17
maio / 2012
NBB / Notícias / Colunistas / São José x Flamengo: Espetáculo garantido!

É belo o exemplo de como estas duas equipes protagonizam o show de maneira cooperativa e parceira

Caio Torres, do Flamengo e Murilo, do São José

Caio Torres, do Flamengo e Murilo, do São José

O Rio de Janeiro oportunizou aos aficionados pelo melhor esporte do planeta, que estiveram no Ginásio do Tijuca Tênis Clube, na última terça-feira, um espetáculo de gala: Flamengo x São José, a primeira partida das semifinais do NBB 4. E quem ficou em casa também pôde assistir a transmissão ao vivo, pelo SporTV, de uma partida extremamente bem jogada,  em que o Flamengo levou a melhor e abriu o playoff em 1 x 0.

As duas equipes possuem jogadores bem qualificados, e jogam de forma coletiva, cada um com características muito definidas. A maior diferença na sistematização de Flamengo e São José está na filosofia de seus ataques, são equipes que atuam de forma muito organizada, aproveitam o máximo  as características e qualidades dos atletas, abrem espaços e dificultam bastante o sistema defensivo adversário.

O Flamengo trabalha muito com os deslocamentos ofensivos, executados coordenados por passes e bloqueios indiretos nos jogadores que não têm a bola, assim espalham o quinteto de forma harmônica e ganham posicionamento ora no jogo interno, ora no jogo externo. Já o São José também executa esta exposição em que distribui seus jogadores através de movimentos no bloqueio direto buscando o desequilíbrio defensivo, na maioria das vezes através do pick and roll.

Não existe o certo nem o errado, as duas equipes são muito bem sistematizadas, e otimizam as qualidades do seu elenco de jogadores de forma inteligente, que demonstra a boa atuação de Gonzalo Garcia e Régis Marrelli no comando de Flamengo e São José.

É bom salientar a importância da vinda de Rubén Magnano para o nosso basquete, no comando da seleção principal, e de Gonzalo para o Flamengo, mas sem desmerecer o nosso ótimo trabalho. Nós técnicos brasileiros que a cada dia demonstramos mais conhecimento e capacidade de estarmos entre os melhores do mundo. Régis Martelli realiza um trabalho excepcional a frente do São José, com muita dedicação e com a habilidade de um veterano.

Ainda não falei do sistema defensivo das duas equipes, que também foi um show a parte, com tocos e ações muito bem estudadas por ambas as equipes. Mas no final, a ótima defesa do Flamengo levou leve vantagem sobre o pick and roll do São José, tão difícil de ser defendido. O rubro-negro soube levar vantagem e com a sua boa defesa venceu a primeira partida do confronto da semifinal. Não vou deixar de arriscar um prognóstico de que esta série deverá ter cinco grandes espetáculos, pois a cada jogo se costura um crescimento neste processo esportivo de competição em alto nível. Não vejo defeitos nestas duas grandes equipes do basquete brasileiro, e acho que estão fundidas nesses jogos, e cada vez mais aperfeiçoando padrões e justificando a importância de se competir sempre com honra, categoria e principalmente jogando limpo, propiciando assim espetáculos sensacionalmente mágicos.

É belo o exemplo de como estas duas equipes protagonizam o show de maneira cooperativa e parceira, que beneficia o todo, independente do resultado e fazem do NBB 4 uma excelente ópera que inclui e integra o público, os dirigentes, os patrocinadores, os técnicos, os juízes e os iniciantes.

Comentários

Uma resposta para “São José x Flamengo: Espetáculo garantido!”

  1. buy reverbnation video plays The music business has been applied to to difference its business model from the internet . This in the long run is good for musician’s bands and artists as they have more control of marketing themselves online using the…

    The music business has been applied to to difference its business model from the internet . This in the long run is good for musician’s bands and artists as they have more control of marketing themselves online using the various platforms of web 2 .0…