#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Agora é em SP

17-04-2019 | 08:13
Por Liga Nacional de Basquete

Em desvantagem na série, Pinheiros confia no bom retrospecto em casa para superar o embalado Botafogo; Jogo 2 será nesta quinta-feira, ao vivo no Facebook

Antes mesmo de começar, a série entre EC Pinheiros (3º) e Botafogo (6º) prometia ser uma das mais equilibradas das quartas de final do NBB CAIXA. Isso porque ela envolve duas equipes com muita qualidade e que proporcionaram bons confrontos até aqui na temporada.

O Jogo 1 foi uma mostra de que tudo pode acontecer nesse duelo. Em casa, o Glorioso foi superior do início ao fim e venceu o adversário da capital paulista por 91 a 76 – única vitória de um time com pior campanha na primeira partida das quartas de final.

A sequência da série entre os paulistas e cariocas acontecerá nesta quinta-feira (18/04), no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo (SP), às 19h30, com transmissão ao vivo no Facebook do NBB.

A atuação do Pinheiros no Jogo 1 não foi das melhores. O grande problema do time na partida, segundo o treinador César Guidetti, foi a defesa, um dos pontos fortes da equipe no NBB CAIXA.

“O time jogou muito abaixo do que vinha jogando na fase de classificação. A terceira defesa menos vazada do campeonato não poderia levar 91 pontos. Isso mudou nosso plano tático. Eles jogaram muito bem e tiveram o mérito da vitória, enquanto nossa estratégia não teve o efeito esperado”, analisou Guidetti.

Com ótimo desempenho em casa, Pinheiros precisa vencer para seguir com vantagem do mando de quadra (Wagner Carmo/ECP)

Com a série a caminho da capital paulista, a torcida do Pinheiros tem bons motivos para acreditar em duas boas partidas em casa. Isso porque a equipe possui um ótimo retrospecto como mandante no campeonato – 11 vitórias e apenas duas derrotas (para Paulistano e Corinthians).

O fato de ter perdido o primeiro jogo faz com que a pressão por uma vitória na segunda partida seja ainda maior. Para César Guidetti, o segredo da recuperação é pensar jogo a jogo e confiar na preparação que foi feita para os playoffs.

“Retornamos para casa e tivemos tempo suficiente para treinar e fazer as correções. A gente não pensa no resultado final, mas é claro que se você sai atrás, fica com a obrigação de vencer o próximo jogo. A cada partida disputada, ficamos mais perto da definição, mas vamos trabalhar jogo a jogo, cientes de que estamos preparados para exercer o mando de jogo e impor o nosso ritmo”, concluiu o treinador do Pinheiros.

Ex-jogador do Pinheiros, Arthur foi um dos destaques do Botafogo no primeiro jogo (Vitor Silva/SS Press/BFR)

Do outro lado, o Botafogo segue sem perder partidas nos playoffs do NBB CAIXA. Sexto colocado na primeira fase, o Glorioso passou pelo São José Basketball, nas oitavas de final, por 2 a 0, e venceu o primeiro jogo da série contra o Pinheiros.

+Histórico, dados e recordes: veja curiosidades das quartas de final do NBB CAIXA

“Não pensamos nisso (invencibilidade nos playoffs), mas estamos trabalhando firme. Tenho pedido intensidade e entrega total em todo jogo. Estamos encarando cada partida como uma grande oportunidade para essa equipe e eles têm comprado essa ideia. Nosso time tem sido fantástico nessa questão de entrega e não vai ser diferente nesse próximo jogo”, afirmou Léo Figueiró, treinador do Botafogo.

Segunda melhor defesa do campeonato, Botafogo conseguiu manter sua média no primeiro jogo (Antonio Penedo/Mogi das Cruzes)

O comandante do Botafogo destacou a defesa da equipe no primeiro confronto. O Glorioso conseguiu manter sua média defensiva da temporada (76,4 pontos) e diminuiu em seis pontos a produção ofensiva que o Pinheiros, dono do quinto melhor ataque do campeonato (82,5 pontos), vem apresentando.

“O fundamental no primeiro jogo foi que entramos jogando muito forte defensivamente. Tivemos algumas oscilações, o que é normal, mas elas foram pequenas. De forma geral, fomos bastante consistentes e acho que isso fez com que o Pinheiros não voltasse pro jogo”, avaliou Figueiró.

Na atual temporada, os dois times já se enfrentaram em quatro oportunidades (contando o Jogo 1), com duas vitórias para cada lado. Na fase de classificação do NBB CAIXA, o Pinheiros venceu tanto no turno como no returno. Já o Botafogo, além do primeiro jogo da série, conseguiu eliminar o rival na Copa Super 8, também nas quartas de final.

Precisando de uma vitória para não perder a vantagem na série, Léo espera uma partida muito complicada. Para ele, conseguir segurar a pressão do Pinheiros no início do jogo será fundamental para sua equipe desempenhar um bom papel.

“O Pinheiros vai jogar em casa e, como estão vindo de uma derrota, vão jogar muito forte querendo empatar a série. Cabe a nós resistir a essa pressão inicial deles e jogar de uma maneira inteligente, sem proporcionar as bolas fortes deles, com um ritmo de jogo que nos favoreça”, finalizou Léo Figueiró.

+Em quem eles se inspiram? Saiba quem são as referências dos técnicos das quartas de final

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio máster da CAIXA, os patrocínios da Budweiser, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani, Ministério do Esporte e Governo Federal.