#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Filme repetido

05-12-2018 | 05:07
Por Liga Nacional de Basquete

Alex Garcia retorna de lesão contra Paulistano, vive filme parecido de sua estreia por Bauru em 2014 e projeta volta às quadras após 7 meses: "ansioso para jogar"

Depois de longos sete meses, Alex Garcia está de volta à ativa no Sendi/Bauru Basket. O jogador de 38 anos se recuperou da ruptura no ligamento cruzado anterior (LCA) sofrida nas oitavas de final do último NBB CAIXA e fará seu primeiro jogo na atual temporada.

A estreia do Brabo será nesta quinta-feira (06/12), no Ginásio Panela de Pressão, contra o Paulistano/Corpore, às 19 horas, com transmissão ao vivo pelo Facebook do NBB.

 

View this post on Instagram

 

Grita alto que o Brabo voltou! 🤟

A post shared by Bauru Basket (@baurubasket) on

O adversário, no entanto, é bem conhecido para Alex Garcia no que diz respeito a estreias. Isso porque o atleta debutou com a camisa do Bauru no NBB CAIXA 2014/2015 justamente contra o Paulistano.

Na ocasião, no dia 18 de novembro de 2014, o camisa 10 havia perdido os dois primeiros jogos do campeonato por conta de uma suspensão do STJD, causada por problemas na temporada anterior, quando atuava pelo Brasília. Mas, quando entrou em quadra, ele não decepcionou.

Em atuação de gala, Alex fez 28 pontos (10/16 nos arremessos de quadra), pegou nove rebotes e deu sete assistências, números que lhe renderam expressivos 37 de eficiência. E o melhor, vitória bauruense, por 81 a 74.

Alex fez sua estreia com a camisa do Bauru no NBB com uma atuação de gala contra o Paulistano em 2014 (Henrique Costa/Bauru Basket)

“Sinceramente não me lembro de muitas coisas desse jogo, só sei que foi muito bom mesmo e saímos com uma excelente vitória. Quem sabe eu não repito uma atuação dessas e ajudo o time a ganhar de novo?”, falou Alex, que comemorou sua volta:

“Estou muito feliz por estar de volta. Ansioso para jogar depois de um bom tempo, quero muito ajudar a equipe e vou fazer de tudo para isso. É claro que não estou nas minhas condições ideais de jogo ainda, mas o que eu puder fazer nesse momento, vou fazer. O time precisa voltar a vencer urgente, então o que eu puder fazer para ajudar, vou fazer”, completou o Brabo.

Se a estreia de Alex pelo Bauru teve atuação de gala contra o Paulistano em 2014, a última partida oficial disputada por ele antes da lesão no LCA também foi de encher os olhos.

No Jogo 1 das oitavas de final do último NBB CAIXA contra o Vasco, na Arena Carioca 1, no dia 02 de abril deste ano, o Brabo foi autor de 23 pontos, sendo 15 deles no terceiro quarto, e liderou a vitória bauruense fora de casa, por 93 a 84. (vídeo abaixo)

A relevância de Alex para o Bauru como um todo é enorme. Desde sua chegada, na temporada 2014/2015, o Bauru conquistou nada menos que quatro títulos: Campeonato Paulista 2014, Liga Sul-Americana 2014 (MVP), Liga das Américas 2015 (MVP) e o NBB CAIXA 2016/2017 (MVP das Finais).

+Estatísticas completas da carreira de Alex Garcia no NBB CAIXA

Em sua carreira de NBB CAIXA, Alex coleciona quatro títulos, sendo três com o Brasília (2009/2010, 2010/2011 e 2011/2012) e um com Bauru (2016/2017), além de quatro troféus de Melhor Ala, oito de Melhor Defensor, dois de MVP do Jogo das Estrelas (2013 e 2014) e um de MVP das Finais (2016/2017).

Alex Garcia conquistou 4 títulos com o Bauru, sendo o último deles o do NBB CAIXA 2016/2017 (Fotojump/LNB)

O Dragão, que sofreu com inúmeros e importantes desfalques desde o início do campeonato, está na 11ª colocação, dentro da zona de classificação aos playoffs, com campanha de três vitórias e oito derrotas (27,3% de aproveitamento).

+Tabela de classificação completa do NBB CAIXA 2018/2019

Atualmente, a equipe tem a quinta pior defesa do NBB CAIXA, com média de 79,4 pontos por jogo. Para Alex Garcia, a marcação é um dos pontos primordiais para a melhora do time na temporada.

“Precisamos melhorar nossa parte defensiva. Qualquer time vitorioso começa da defesa para o ataque, e a nossa mentalidade tem que ser essa. Quando temos uma defesa consistente o ataque acaba produzindo bem. Já o contrário fica muito difícil, então acredito que essa tenha que ser nossa mentalidade para esse jogo”, declarou Alex.

Depois de um longo tempo assistindo às partidas de fora da quadra, Alex analisou os pontos a melhorar do Bauru (Fotojump/LNB)

Já o Paulistano é o quarto colocado do NBB CAIXA, com sete vitórias e três derrotas (70% de aproveitamento), e está praticamente garantido no grupo dos oito primeiros colocados que vão ao Super 8.

O clube alvirrubro é dono do quarto melhor ataque do campeonato, com média de 81,0 pontos por partida. Alex Garcia destacou a postura que o Dragão que tem que entrar em quadra para sair com a vitória.

“A postura que precisamos ter contra o Paulistano é de incomodar o ataque deles com a nossa defesa, tira-los de posição. Se deixarmos eles ficarem confortáveis no ataque terão uma produção alta e será difícil de vencer. Precisamos incomoda-los na defesa e sair rápido no contra-ataque. Temos que fazer com que eles joguem no improviso, fora de posição, assim acredito que teremos sucesso”, finalizou Alex.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio máster da CAIXA, os patrocínios de INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani, Ministério do Esporte e Governo Federal.