#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Três vezes,Gustavinho

14-06-2018 | 01:11
Por Liga Nacional de Basquete

Campeão do NBB CAIXA 17/18, Gustavo De Conti repete conquistas de 13/14 e 16/17 e vence Troféu Ary Vidal, de Melhor Técnico da competição

Pela terceira Gustavo De Conti é o Melhor Técnico do NBB CAIXA. Dono da conquista nas temporadas 13/14 e 16/17, o treinador campeão da décima edição da competição ergueu novamente o Troféu Ary Vidal, na noite desta quarta-feira, na festa de premiação do campeonato, realizada em São Paulo (SP).

Contratado pelo Flamengo logo após o fim da competição, Gustavo e o Paulistano fizeram história no NBB CAIXA 17/18. Logo após conquistar o Campeonato Paulista, o alvirrubro iniciou na competição nacional de forma inconsistente, com três derrotas em suas primeiras cinco partidas.

A partir daí o time foi outro. Com uma consistência assustadora, o Paulistano conquistou 22 vitórias de forma consecutiva na fase de classificação, a segunda maior sequência em toda história do NBB CAIXA (Bauru na edição 14/15 venceu 26), e ficou no topo da tabela durante grande parte da competição. Na última rodada, porém, o CAP acabou derrotado pelo Caxias do Sul fora de casa, por 81 a 80, e viu o Flamengo o ultrapassar.

Nos playoffs, depois de iniciar a série quartas de final com derrota, classificação sobre o Basquete Cearense nas quartas, por 3 a 1. Na fase semifinal, um confronto duríssimo contra o carrasco das Finais anteriores, o Bauru. Após cinco jogos e muita emoção, o Paulistano conquistou a vaga, por 3 a 2, com vitória por 80 a 77 no Jogo 5, e voltou a decisão do NBB CAIXA.

Com a terceira conquista do prêmio, Gustavinho se tornou o maior vencedor do Troféu Ary Vidal (Luiz Pires/LNB)

Novamente contra o um adversário paulista, desta vez o Mogi, o elenco comandado por Gustavo fez bonito. Depois de abrir 2 a 1 na série, com uma vitória fora e outra dentro de casa, o CAP bateu o rival em pleno Ginásio Hugo Ramos, por 82 a 76, no Jogo 4, e conquistou o título inédito da competição.

“A temporada foi excelente, acho que só seria melhor se tivéssemos conseguido ir mais longe na Liga das Américas, mas isto não é demérito nenhum, estávamos no grupo dos dois times que fizeram a final (San Lorenzo e Mogi). Foi uma temporada histórica para o Paulistano, que nunca havia ganhado um título. Ganhamos o Campeonato Paulista e depois o NBB CAIXA. O que também me deixou muito feliz foi a forma com que jogamos, uma proposta de jogo diferente para o que estava sendo feito aqui no Brasil, com jogadores que não estavam tão valorizados e terminaram a temporada bem valorizados. Foi uma temporada completa”, analisou o treinador.

Com a conquista Gustavo se isolou como maior vencedor do Troféu Ary Vidal em toda história da competição. Além dele, também venceram o prêmio de Melhor Técnico: Paulo Chupeta (08/09), Lula Ferreira (09/10 e 12/13), Hélio Rubens (10/11), Régis Marrelli (11/12), Dedé Barbosa (14/15) e José Neto (15/16).

“Ninguém ganha nada sozinho, nem o MVP, nem o melhor treinador, nem o melhor de qualquer outra posição. É um conjunto de fatores e muitas pessoas que colaboram. No meu caso a comissão técnica, os jogadores. Mesmo assim eu fico feliz, porque é um reconhecimento, principalmente pelas pessoas que votaram, que são pessoas ligadas ao basquete, e minha família fica muito feliz, o pessoal da comissão técnica também fica muita feliz, então é algo muito gratificante para mim”, completou Gustavo De Conti.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike, Penalty e Wewi e os apoios do Açúcar Guarani e do Ministério do Esporte.