#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Tempero latino

28-09-2015 | 03:13
Por Liga Nacional de Basquete

Minas anuncia contratação do ala/armador Isaac Sosa, ex-Boca Juniors (ARG) e especialista nos tiros de 3 pontos; jogador será o 1º portorriquenho a atuar no NBB

Sosa chega ao Minas depois de atuar pelo renomado Boca Juniors (LNB/Divulgação)

Sosa chega ao Minas depois de atuar pelo renomado Boca Juniors (LNB/Divulgação)

O Decisão Engenharia/Minas terá sotaque latino para a próxima temporada do NBB. Na última sexta-feira (25/09), o clube de Belo Horizonte oficializou a contratação do ala/armador portorriquenho Isaac Sosa, de 25 anos e 1,90m de altura.

Com passagens pelos tradicionais Peñarol de Mar del Plata (ARG) e Boca Juniors (ARG) em seu currículo, o jogador chega ao Brasil com o título da última edição do Torneio de 3 Pontos da Liga Argentina na bagagem. Sosa, inclusive, já desembarcou em Belo Horizonte e iniciou os trabalhos ao lado de seus novos companheiros.

“Minhas primeiras impressões do Clube foram fabulosas. Eu não esperava que fosse desse jeito, tinha uma ideia diferente na minha cabeça. Eu posso ter tudo aqui, as instalações, o departamento médico. Definitivamente, é uma estrutura impressionante”, afirmou Sosa.

Sosa tem como ponto forte a mão calibrada nos tiros de 3 pontos (LNB/Divulgação)

Sosa tem como ponto forte a mão calibrada nos tiros de 3 pontos (LNB/Divulgação)

Natural do munícipio de Guaynabo, Sosa será o primeiro jogador nascido em Porto Rico a disputar o NBB. Nas primeiras sete edições, a maior competição de basquete do país contou com participações de atletas estrangeiros de 13 países diferentes e agora serão 14 pátrias diferentes representadas ao longo da história do campeonato nacional.

“Eu nunca joguei aqui, então não sei muito bem o que esperar. Eu acho que pode ser tão competitivo ou próximo do nível que eu encontrei na Argentina, que tem um nível muito bom, bem competitivo. Eu espero que seja uma liga tão boa quanto. Eu não sei muito o que esperar, mas pode ter certeza que vou dar o meu melhor”, explicou Sosa.

Radicado no basquete universitário norte-americano, Sosa iniciou sua carreira como profissional em seu país natal, em 2013, no Indios de Mayaguez. Depois, o novo reforço minastenista acertou com um dos mais tradicionais times da América Latina, o Peñarol de Mar del Plata, da Argentina. Ao lado de nomes como Facundo Campazzo e Léo Gutiérrez, Sosa foi uma das importantes peças da equipe na conquista do título nacional na temporada 2013/2014.

Após atuar pelo Peñarol, Sosa se transferiu para o Boca Juniors, outra equipe renomada, e seguiu atuando em solo argentino. Com a camisa xeneize, o portorriquenho disputou 56 partidas na competição nacional e registrou média de 12,1 pontos por jogo, com direito a aproveitamentos de 44,3% nos tiros de três pontos e 87,6% nos lances livres. Durante sua passagem pelo clube de Buenos Aires, o jogador ainda se sagrou campeão do Torneio de 3 Pontos da última edição do Jogo das Estrelas da Liga Argentina.