#JOGAJUNTO

NBB

Jogaço!

08-12-2011 | 07:18
Por Liga Nacional de Basquete

Minas recupera 12 pontos de vantagem no último quarto e vence Limeira na prorrogação, por 96 a 93. Essa foi a segunda vitória dos mineiros no NBB

Divulgação

Numa partida emocionante, decidida na prorrogação, o Minas superou, nesta quinta-feira, o Winner/Limeira, por 96 a 93. Essa foi a segunda vitória dos mineiros em seis partidas disputadas no NBB, campeonato organizado pela Liga Nacional de Basquete (LNB) em parceria com a Rede Globo e patrocínio Eletrobras, Caixa, Penalty e Netshoes.

O armador norte-americano do Minas, Mark Borders, foi o grande nome do jogo, sendo o cestinha com 27 pontos. Outro destaque do time mineiro foi o pivô Guilherme, que anotou um duplo-duplo de 22 pontos e 12 rebotes. Pelo Limeira, o pivô André Bambu foi o principal pontuador, com 19 pontos.

Com uma defesa forte quadra inteira, o Minas entrou forte no jogo e anotou os seis primeiros pontos. Com o tempo, o Limeira foi recuperando ritmo e a partida ficou bastante equilibrada. Ambos os ataques fluíram muito bem e a liderança foi alternada diversas vezes no primeiro quarto, que terminou com vantagem para os mineiros, 24 a 20.

O equilíbrio se manteve no segundo período. O pivô André Bambu veio do banco e foi o grande destaque do Limeira nessa etapa, assim como o norte-americano Mark Borders pelo lado do Minas. As equipes foram para o intervalo empatadas em 41 a 41.

As bolas de três pontos do Limeira fizeram a diferença no terceiro quarto. O time do técnico Demétrius acertou seis das oito tentativas de fora no período e com dois chutes de fora consecutivos, um de André Bambu e outro de Ronald Ramon, o time visitante abriu doze pontos (65 a 53) nos minutos finais da etapa.

O resultado não intimidou a equipe do Minas, que liderados por Borders, rapidamente se recuperaram. Com menos de seis minutos para o final do jogo, os mineiros empataram o jogo (70 a 70), após um belo gancho do pivô Cristiano Felício. Após esse empate, Limeira voltou a assumir a liderança e foi para os momentos decisivos na frente.

Com menos de um minuto, o ala/pivô Leandro acertou uma bola de três pontos que deixou o Minas apenas um pontos atrás no placar (85 a 84). Em seguida, o armador do Limeira, Eric Tatu recebeu falta e acertou apenas um dos dois lances livres que tinha direito (86 a 84). Com apenas oito segundos no cronômetro, foi a vez de Border receber falta, mas o norte-americano converteu suas duas tentativas levando o jogo para a prorrogação (86 a 86).

No tempo extra, os mineiros começaram melhor e abriram cinco pontos de vantagem logo nos primeiros minutos (92 a 87). Com a liderança nas mãos, Borders e Gonzalez chamaram a responsabilidade e administraram a vantagem para vencer a partida.

?Uma vitória como essa nos dá uma grande injeção de ânimo. Ganhamos um jogo fora em Franca e precisávamos vencer em casa. Tenho certeza que esse time ainda vai muito longe ainda?, comemorou o ala/pivô do Minas, Leandro.

A derrota para o Minas encerrou a série de três vitória consecutivas do Limeira na competição. ?O NBB é assim, uma competição muito equilibrada. Essa seria uma vitória importantíssima para gente, até tivemos uma boa vantagem no terceiro quarto, mas o Minas teve seus méritos de conseguir a vitória?, lamentou o armador Eric Tatu.

<strong>Confira os resultados da sétima rodada do NBB:

08/12 (quinta-feira)</strong>
Liga Sorocabana 91 x 80 Unitri/Universo
Vila Velha/Garoto/BMG 54 x 86 Pinheiros/SKY
Uniceub/BRB/Brasília 97 x 79 Araraquara
Cia. do Terno/Romaço/Joinville 65 x 88 Flamengo
São José/Unimed/Vinac 108 x 91 Tijuca/Rio de Janeiro
Itabom/Bauru 92 x 82 Vivo/Franca
Minas 96 x 93 Winner/Limeira