#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Foco total!

12-12-2016 | 05:52
Por Liga Nacional de Basquete

Com duas derrotas consecutivas, Campo Mourão visita Minas nesta terça, atrás de recuperação; “Expectativa de reencontrar o nosso melhor basquete”

Depois de um belo início dentro do NBB CAIXA, o Campo Mourão Basquete vive momento difícil, após perder seus últimos dois jogos. Nesta terça-feira (13/12), a equipe paranaense enfrentará o Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte (MG), depois de uma grande sequência departidas dentro de casa, em um horário incomum, às 10 horas da manhã (de Brasília).

“Jogar às 10 da manhã com certeza faz com que os atletas tenham que ter cuidados diferentes. Não é o horário que estamos acostumados a jogar. É o horário de um dos nossos treinos, mas acredito que podemos nos adaptar para fazermos uma grande partida. Temos que estar concentrados porque sabemos que é um jogo importantíssimo e mesmo com os desfalques, queremos sair de Belo Horizonte com um resultado positivo”, afirmou o armador Cauê Verzola, do Campo Mourão.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, o patrocínio da SKY e os apoios do Ministério do Esporte e da Avianca.

Cauê Verzola, do Campo Mourão

Um dos destaques do Campo Mourão neste NBB CAIXA, Cauê Verzola salientou a importância da partida diante do Minas (Valmir de Lara/Campo Mourão Basquete)

O horário incomum não é problema para os mourãoenses, que irão para estrada após uma sequência de cinco partidas dentro de casa. No período, duas vitórias (Macaé Basquete, por 71 a 68, e Universo/Vitória, por 70 a 64) e três derrotas (Flamengo, por 90 a 69, Solar Cearense, 89 a 73, e Paulistano/Corpore, por 92 a 74), sendo que as últimas duas formam a pior sequência do time paranaense desde que chegou ao NBB CAIXA.

A busca dos mourãoenses é por reencontrar o seu melhor basquete, que ainda fazem do Campo Mourão um dos dois times com invencibilidade como visitante no NBB CAIXA 16/17 (outro é o Flamengo). Nos dois jogos que fez fora de casa na temporada, os comandados de Emerson Souza bateram o Vasco da Gama (por 91 a 81) e o Banrisul/Caxias do Sul (por 78 a 69).

“Expectativa nossa de reencontrar o nosso melhor basquete. Nosso time infelizmente vem enfrentando problemas de lesões que infelizmente fizeram que nosso desempenho caísse, mas vamos continuar lutando com os jogadores que estão à disposição para que o mais rápido possível nossa equipe reencontre as vitórias”, completou Cauê Verzola.