#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Fogo aceso

Bauru BAU 94
x
77 Pinheiros PIN
18
1ºQ
X
17
16
2ºQ
X
29
34
3ºQ
X
17
26
4ºQ
X
14

Gin. Panela de Pressão

15 de maio de 2017
Por

Com grande exibição no segundo tempo, Bauru vira para cima do Pinheiros de maneira arrasadora e se mantém vivo nas semifinais

DOCUMENTOS:
Súmula
94
X
77
94
PTS
77
15
A3C
6
18
A2C
20
13
LLC
19
40
RT
28
19
ASS
13

Pts: Pontos RT: Rebotes ASS: Assistências A3C: Arremessos de três certos A2C: Arremessos de dois certos LLC: Lances livres certos
(*) Colocação refere-se a rodada em que esta partida foi realizada

O fogo do Gocil/Bauru Basket está aceso nas semifinais do NBB CAIXA 2016/2017. Com grande exibição no segundo tempo, a equipe do interior paulista virou para cima do EC Pinheiros, venceu o Jogo 3, nesta segunda-feira (15/05), por 94 a 77, e se manteve vivo na briga por um lugar na grande decisão do maior campeonato de basquete do país.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, Nike e Avianca e o apoio do Ministério do Esporte.

E agora? O Jogo 4 da série acontecerá neste sábado (20/05), às 14 horas, no Ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo, com transmissões ao vivo da Band e do SporTV. Ainda em vantagem, agora por 2 a 1, o Pinheiros se classificará às Finais em caso de vitória, enquanto que Bauru tentará forçar o Jogo 5, que caso necessário acontecerá na próxima terça-feira (23/05).

Dois tempos, dois “jogos”: O Pinheiros chegou ao intervalo vencendo por 12 pontos (46 a 34), mas a segunda metade da partida foi completamente diferente. Com ritmo alucinante, Bauru virou o jogo de maneira impressionante ainda no terceiro período e, no final das contas, venceu os dois últimos quartos por 60 a 31 para vencer por 17 pontos de diferença.

O cara: Em noite inspirada, Jefferson brilhou na vitória bauruense. O ala/pivô foi o cestinha da partida, com 31 pontos, sendo 24 deles durante o ótimo segundo tempo de sua equipe. Nas bolas de três, o jogador teve seis acertos em dez tentativas (60% de aproveitamento).

Sempre Brabo: Alex Garcia também foi fundamental para o triunfo do Bauru. Depois de marcar apenas cinco pontos no primeiro tempo, o camisa 10 marcou 17 na segunda metade da partida. Só no terceiro quarto, o “Brabo” marcou 12 pontos, além de distribuir três assistências. Ao todo, o capitão baurense registrou 22 pontos, oito assistências e cinco rebotes.

Fala aí: “Fizemos eles improvisarem hoje. Nos dois primeiros jogos demos muita liberdade para eles e isso não pode acontecer. A partir do segundo tempo, nossa equipe fez um grande trabalho defensivo e paramos o ataque deles”, disse Alex, ao lembrar que Bauru sofreu apenas 31 pontos no segundo tempo.

“Temos que seguir jogando da maneira que atuamos no segundo tempo, tirando o time deles da zona de conforto. A pressão vai ser deles, por estarem jogando em casa para fechar a série e vamos com tudo para forçar o Jogo 5. Estamos vivos”, completou o “Brabo”.

Bem que tentou: Do lado pinheirense, o destaque ficou mais uma vez por conta de Holloway. Mesmo muito bem marcado pela defesa bauruense, o norte-americano foi o cestinha de sua equipe, com 23 pontos. O atleta recebeu 13 faltas e teve ótimo aproveitamento nos lances livres, com apenas um erro em 14 tentativas.

Números comprovam: Com destaque para mão quente de Jefferson, Bauru teve 15 arremessos convertidos da linha de três pontos em 32 tentativas (46,9% de aproveitamento). Do outro lado, o Pinheiros teve apenas seis acertos em 23 tentativas (26,1% de aproveitamento).

Fala aí: “Temos que admitir a qualidade do time do Bauru. Tínhamos condição de vencer o jogo de hoje, mas caímos diante de um grande time. Não vejo muitos erros do meu time hoje e o mérito é todo de Bauru. Eles jogaram muito bem o segundo tempo e não nos deram chance. Mas ainda estamos em vantagem e vamos jogar em casa para fechar a série”, analisou o comandante pinheirense César Guidetti.

Gás de sobra: Aos 39 anos, Valtinho mostrou um “fôlego de garoto” na partida desta segunda. O experiente armador ficou pouco mais de 30 minutos em quadra e teve boa atuação, com 11 pontos e quatro assistências.

Voo do Jaú: No começo do segundo quarto, Gabriel Jaú protagonizou um lindo lance no Panela de Pressão. O garoto bauruense roubou a bola e finalizou o contra-ataque com uma linda enterrada “na cabeça” de Renan Lenz. O jogador de apenas 18 ainda sofreu a falta (confira o vídeo abaixo).

Domínio completo: Depois de um primeiro quarto equilibrado, o Pinheiros foi dominante no segundo período. Logo no começo, a equipe se estabeleceu na liderança. Depois, os visitantes seguiram “jogando por música” e foram para os vestiários com 12 pontos de frente (46 a 34), após vencer o período por 29 a 16.

Quase impecável: Com ótima defesa, a equipe fez dez pontos em contra-ataques a partir de erros do Bauru no segundo quarto e quando jogou em cinco contra cinco soube escolher muito bem seus arremessos. A equipe teve nove acertos em 11 arremessos de dois pontos (81,8%) e três bolas de três convertidas em seis tentativas (50%) no período.

Reação meteórica: Bauru tratou de mudar o cenário do jogo logo nos dois primeiros minutos do terceiro quarto. Com uma sequência arrasadora de 9 a 2, a equipe rapidamente baixou a diferença para apenas cinco pontos (48 a 43) e obrigou o técnico rival César Guidetti a parar o jogo.

Não parou, mesmo: O terceiro quarto foi todo do Bauru. Com Alex e Jefferson “pegando fogo” – a dupla marcou 24 dos 34 pontos da equipe no período –, os donos da casa não demoraram a virar o jogo e inflamaram a torcida nas arquibancadas do Panela de Pressão. Ao final da parcial, a vantagem bauruenese era de cinco pontos (68 a 63).

Anotou a placa? Nada mudou no último período e Bauru seguiu mandando no jogo. Jefferson seguiu com ótimo aproveitamento e a equipe não demorou a colocar sua vantagem em dois dígitos para confirmar a vitória com tranquilidade nos minutos finais.


Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ET +/- EF
#11 Jefferson 1 32.4 31/51 (61) 3+2 5 2 6/10 (60) 5/9 (56) 3/3 (100) 3 0 4.00 2.00 4 19 29
#10 Alex 1 33.0 22/40 (55) 7+1 8 5 4/8 (50) 3/5 (60) 4/6 (67) 4 1 4.00 6.00 5 12 27
#23 Léo Meindl 1 37.2 17/30 (57) 4+1 5 5 3/4 (75) 3/7 (43) 2/4 (50) 1 3 2.00 3.00 3 19 21
#9 Valtinho 1 30.0 11/17 (65) 1+0 1 4 2/3 (67) 1/2 (50) 3/4 (75) 1 0 3.00 2.00 1 19 13
#1 Gui 1 14.9 6/19 (32) 2+1 3 1 0/3 (0) 3/5 (60) 0/0 (0) 0 0 2.00 0.00 1 -6 4
#6 Shilton 1 26.6 5/9 (56) 4+0 4 1 0/0 (0) 2/3 (67) 1/3 (33) 1 0 3.00 3.00 0 28 8
#25 Jaú 1 12.2 2/12 (17) 2+2 4 1 0/3 (0) 1/1 (100) 0/1 (0) 2 0 3.00 2.00 1 2 4
#19 Gegê 1 11.2 0/5 (0) 1+1 2 0 0/1 (0) 0/1 (0) 0/0 (0) 0 0 2.00 1.00 0 -2 0
#18 Michael 1 2.5 0/2 (0) 0+1 1 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/2 (0) 0 0 0.00 1.00 0 -6 -1
#14 Henrique 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#7 Stefano 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
Equipe 1 0.0 94/185 (51) 28+12 40 19 15/32 (47) 18/33 (55) 13/23 (57) 12 4 23.00 20.00 16 0 111
Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ET +/- EF
#22 Holloway 1 36.5 23/44 (52) 5+0 5 3 0/4 (0) 5/9 (56) 13/14 (93) 1 1 2.00 13.00 7 -14 17
#12 Renan 1 33.8 13/25 (52) 2+0 2 0 2/6 (33) 3/3 (100) 1/1 (100) 0 1 4.00 2.00 0 -16 12
#10 Ansaloni 1 15.0 10/14 (71) 3+1 4 0 0/0 (0) 4/6 (67) 2/2 (100) 1 0 3.00 1.00 2 -5 11
#6 Gemerson 1 23.4 9/22 (41) 1+1 2 0 3/6 (50) 0/1 (0) 0/2 (0) 0 0 2.00 1.00 1 -13 4
#3 Bennett 1 35.7 9/26 (35) 4+2 6 3 0/1 (0) 4/11 (36) 1/1 (100) 1 1 3.00 4.00 3 -20 9
#14 Neto 1 19.6 9/17 (53) 0+0 0 5 1/3 (33) 2/3 (67) 2/2 (100) 4 0 2.00 2.00 2 -3 13
#11 Teichmann 1 21.6 2/2 (100) 4+0 4 2 0/0 (0) 1/1 (100) 0/0 (0) 1 0 2.00 0.00 0 -9 9
#21 Gustavo 1 12.2 2/11 (18) 1+0 1 0 0/3 (0) 1/1 (100) 0/0 (0) 0 0 1.00 0.00 1 -3 -1
#4 Ruivo 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#7 Mathias 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#34 Arthur 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#24 Danilo 1 2.3 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 1.00 0.00 0 -2 0
Equipe 1 0.0 77/161 (48) 24+4 28 13 6/23 (26) 20/35 (57) 19/22 (86) 8 3 21.00 23.00 16 0 78