#JOGAJUNTO

Jogo das Estrelas / NBB CAIXA

Purainteração

21-03-2017 | 05:50
Por Douglas Carraretto

Jogo das Estrelas 2017 apresenta novo padrão de entretenimento esportivo com ações dentro e fora do ginásio

Várias ações de entretenimento durante os eventos garantiram a diversão total ao público no Ibirapuera (Fotojump/LNB)

O Jogo das Estrelas 2017 deu um show de entretenimento jamais visto no âmbito esportivo nacional. É claro que o “suprassumo” do evento é o que rola dentro da quadra (Habilidades, 3 Pontos, Enterradas, Desafio das Celebridades e NBB Brasil x NBB Mundo), mas o encantamento maior do público se deu por tudo que aconteceu enquanto a bola laranja não estava quicando.

No domingo (19/03), dia principal do Jogo das Estrelas, uma série ações garantiram a total diversão total ao público presente no incrível Ginásio do Ibirapuera, que recebeu mais de 10 mil pessoas – público recorde na história do evento.

Durante os intervalos entre as competições e tempos técnicos foram exibidas interessantes apresentações, como o grupo de enterradas acrobáticas Ginasloucos, dança de rua com o grupo Shake-se, MC Max interagindo com atletas e torcedores e DJ Japa interagindo com a galera através de suas músicas.

Além disso, o telão de LED instalado contou com brincadeiras divertidas como Câmera do Beijo e Câmera da Dança, ambos oferecidos pela SKY, além do dançarino Man Jackson interpretando Michael Jackson e o Playback Jogo das Estrelas, que mostrou atletas do NBB CAIXA cantando músicas, como as famosas “Deu Onda” e “Na Moral”.

+Saiba mais: Atletas de NBB Brasil e NBB Mundo rasgam elogios ao Jogo das Estrelas 2017 

E por falar em música, o ponto alto do entretenimento do Jogo das Estrelas foi o show do Jota Quest, oferecido pela SKY. A apresentação da banda mineira, que aconteceu no intervalo da partida entre NBB Brasil e NBB Mundo, foi inédita e sacodiu o esqueleto não só o público nas arquibancadas. Os atletas envolvidos no Jogo ficaram na quadra e cantaram, pularam e se divertiram à beça durante o espetáculo.

Show do Jota Quest foi ponto alto do entretenimento no Jogo das Estrelas 2017 (Fotojump/LNB)

“Expectativa era mostrar para o público do esporte brasileiro e investidores que dá para fazer entretenimento em um evento esportivo como fizemos, com um show musical, com festa, com jogo, nós terminamos isso com uma entrega maravilhosa para nossos patrocinadores e nossos fãs. Foi a realização de um evento que nós tínhamos certeza que daria certo e que foi melhor do que nós esperávamos”, disse João Fernando Rossi, presidente da LNB.

Fora do ginásio a diversão também foi completa, tanto no sábado quanto no domingo, através do Espaço #JogaJunto. A área de lazer com atividades especialmente voltadas para o fã de basquete, que teve entrada gratuita inclusive para quem não tinha ingresso para o Jogo, apresentou uma série de espaços temáticos com ativações dos patrocinadores.

A Casa SKY, que teve clínicas de basquete (uma delas com Fúlvio, do UniCEUB/BRBCARD/Brasília) e outras atividades com os integrantes do Canal Chuá, o stand Cestas Impossíveis SKY, com uma tabela em uma altura de 6,0 metros (quase o dobro da tabela comum), Espaço CAIXA, com inúmeras competições de basquete, e o stand de fotos do SporTV, foram as ativações que garantiram a interação completa do público.

Espaço #JogaJunto levou diversão a todo fã de basquete que compareceu (Fotojump/LNB)

“Um final de semana incrível. Sensacional toda a energia que a gente teve aqui. Um Jogo das Estrelas com 10 mil pessoas era o que o basquete merecia. A organização deu show, estão todos de parabéns. Para mim foi o melhor Jogo das Estrelas de todos. Todo mundo pôde aproveitar ao máximo. Então gostaria de dar os parabéns à LNB, porque o basquete brasileiro merecia um final de semana como este”, disse Olivinha, do Flamengo, que defendeu o NBB Brasil e ainda disputou o Desafio de Habilidades.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, Nike e Avianca e o apoio do Ministério do Esporte. O Jogo das Estrelas foi também um evento viabilizado através da Lei de Incentivo ao Esporte e teve a Starbucks como seu Café Oficial.