#JOGAJUNTO

Mais basquete / NBB

FuturoPróspero

21-02-2020 | 04:46
Por Liga Nacional de Basquete

Técnico principal do 2º Nike Elite NBB Camp, argentino Ricardo Bojanich elogiou o evento e os 25 atletas Sub-17 do Brasil

O 2º Nike Elite NBB Camp chegou ao fim nesta sexta-feira (21/02). Lições, novas experiências e muito aprendizado, tanto para as promessas Sub-17 do Brasil quanto para os treinadores. Esse foi o saldo do camp. Principal comandante das atividades que aconteceram no Parque São Jorge, na sede do Sport Club Corinthians Paulista, o argentino Ricardo Bojanich exaltou o evento organizado pela Nike e pela LNB (Liga Nacional de Basquete).

Ricardo Bojanich exaltou o Camp organizado por LNB e Nike (Wilian Oliveira/LNB)

“Meu pensamento é que sem aposta na formação não tem futuro, mas tem que fazer com tranquilidade. A LNB e a Nike estão comprometidas com a formação e estão comprometidas com o futuro. Se você só atende ao alto rendimento e não atende à formação, o alto rendimento acaba. Tem que ir crescendo simultaneamente o alto rendimento e a formação”, afirmou o treinador de 64 anos.

À frente das atividades com os 25 prospectos ao longo dos cinco dias do Camp, Bojanich destacou a evolução dos atletas, principalmente levando em consideração a última parte das atividades, em que os jogadores se enfrentaram na manhã desta sexta-feira (21/02).

“Eles evoluíram muito, sobretudo na parte cognitiva, melhoraram muito a compressão. No primeiro dia foi difícil a compreensão, mas hoje (último dia) vimos que os jogadores conseguiram reagir rápido e fazer positivamente com as nossas regras”, disse.

O argentino também elogiou muito os atletas e vê um bom futuro para o basquete brasileiro. “O talento que há aqui é incrível, mas outras gerações do Brasil se perderam por falta de estrutura de proteção de talentos. Essa equipe tem um talento enorme, mas tem que contê-los e rodeá-los de conhecimento”.

“A maior satisfação pessoal que eu tenho é ver um garoto te agradecer e você ver que é sincero. Eu aprendi que na formação de atletas isso é o máximo, o resto é relativo. Porque para produzir mudanças, temos que cuidar desses talentos e isso é pensar em subir o escalão de nível. Eles são bons jogadores, têm talento, mas não é só isso. Temos que oferecer um nível superior”, ressaltou.

Mesmo sem citar nomes, Bojanich falou sobre as qualidades dos jovens que prometem dar show nas quadras do NBB CAIXA e pela Seleção Brasileira.

“Há cinco garotos que têm uma grande envergadura, com grande salto, muito atléticos e não vou falar dos números. Há jogadores que têm uma grande capacidade física. Há jogadores que têm uma ótima compreensão de jogo e faziam rapidamente o que era pedido. Há outros com uma técnica apurada de lançamentos. Faltam coisas, mas há coisas boas em todos”, finalizou.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), em parceria com a NBA, e conta com os patrocínios oficiais da CAIXA, Budweiser, Unisal, Nike, Penalty, Plastubos e VivaGol e o apoio da Pátria Amada Brasil – Governo Federal.

Lista dos participantes:

Armadores
Tiago Alcântara Abbade Aguiar Faria (EC Pinheiros)
João Victor Capela dos Santos (EC Pinheiros)
Paulo Zu (Sesi Franca)
Miguel Victor Soares Nogueira da Silva (Tijuca Tênis Clube)
Caio de Moraes Brandão (Grande Florianópolis)

Alas-armadores
Vinicius Biagioni Vicenti (Paulistano/Corpore)
João Victor Scopel de Oliveira (Palmeiras)
Varley Augusto Maronezi (Paulistano/Corpore)
Matheus Gomes (Paulistano/Corpore)
João Victor Martins Pereira (Chapecó)

Alas
Kauan Temponi (Sesi Franca)
Gabriel Borges (Corinthians)
Yuri Neptune (Campinas)
Reynan Gabriel Camilo dos Santos (Sesi Franca)
Natan Mariano (Franca)

Alas-pivôs
Emanuel Fernandes de Lima (EC Pinheiros)}
José Santana Junior (EC Pinheiros)
Eduardo Sanches (Rio Claro)
Daniel Moreira Oliveira Santos Lima (EC Pinheiros)
Gustavo Henrique Almeida Santana (Palmeiras)

Pivôs
Walisson Adriano Chaves da Silva (Paulistano/Corpore)
Felipe Faustino Nascimento (Sesi Franca)
Daniel Duque dos Santos Frederico (Minas Tênis Clube)
Luiggi Pinelli Fachin (EC Pinheiros)
João Henrique dos Reis de Jesus (AGFEB Basket São José)