#JOGAJUNTO

NBB

KING OFTHE SEASON

10-07-2020 | 11:38
Por Liga Nacional de Basquete

Georginho faz história ao conquistar cinco prêmios na Festa de Melhores do Ano do NBB 2019/20

Georginho, Georginho, Georginho e mais Georginho. O nome do jogador do São Paulo foi, disparado, o mais falado por Guilherme Maia e Giovanna Terezzino na Festa dos Melhores do Ano do NBB 2019/2020. Isso porque o armador bateu o recorde de prêmios individuais em uma temporada do NBB ao ganhar cinco troféus: Líder em Rebotes, Jogador Mais Eficiente, Armador do Ano, Jogador que Mais Evoluiu e o mais importante de todos, o King of The Season, o MVP do NBB, oferecido pela Budweiser.

“Esse prêmio não poderia ter ido para uma pessoa mais adequada. O grito de guerra do Budweiser, ‘Be a King’, que representa o King of The Season, é muito sobre a trajetória, o marco e o legado que as pessoas deixam. Ele é um convite para que as pessoas não desistam dos seus sonhos, por mais malucos que eles possam parecer, por mais adversidades que possam surgir no seu caminho. É um grito de guerra para você continuar lutando e construir sua história, porque tem sempre alguém se inspirando em você. Espero que esse prêmio represente um marco da superação do Georginho e um símbolo, para que ele possa continuar se superando e inspirando muita gente. Foi mais que merecido”, afirmou Louis Millard, Gerente de Marketing da Budweiser.

Superação definitivamente é a palavra certa para descrever a trajetória de Georginho até ser o MVP mais jovem da história do NBB.

Apesar de ter sido revelado pelo Pinheiros, foi no Paulistano/Corpore em que Georginho começou a se destacar no NBB. Ele ganhou o prêmio de Jogador Que Mais Evoluiu da temporada 2016/17, quando foi um dos protagonistas da campanha do vice-campeonato do CAP.

Na temporada seguinte, Georginho partiu para a NBA. Ele assinou com o Houston Rockets e viu a oportunidade de brilhar no melhor basquete do mundo. No entanto, o armador não se adaptou como o esperado na equipe texana, foi para a G-League (Liga de Desenvolvimento da NBA) e acabou não sendo muito aproveitado. Ele retornou ao Paulistano para o NBB 2018/19, mas ainda não era aquele Georginho dominante de hoje.

Vestindo as cores do São Paulo, Georginho realmente saiu da jaula nesta última temporada, e deu para perceber isso logo de cara. Ele foi eleito o King of The Month de outubro e novembro e quebrou o recorde de triplos-duplos do NBB ainda no primeiro turno, com cinco. Suas médias finais foram de 15,5 pontos, 8,7 rebotes e 7,5 assistências.

“Os últimos três anos da minha vida foram bem agitados. Tive dificuldade de me consolidar como jogador profissional. Ganhei o prêmio de Jogador Que Mais Evoluiu na temporada 2016/2017, mas os dois anos seguintes foram decepcionantes para mim porque eu esperava manter aquela evolução e não consegui. Por muito tempo eu desacreditei do meu potencial, e essa temporada no São Paulo me fez dar a volta por cima. Hoje dá para ter noção de tudo o que eu conquistei profissionalmente e pessoalmente. Fiquei muito ansioso pelo prêmio de King of The Season e agora eu só tenho a agradecer à minha família, meus amigos, companheiros de time, comissão técnica, a todos que apoiaram e até mesmo aqueles que duvidaram de mim”, disse Georginho.

Quando perguntado sobre qual foi a mudança que possibilitou todo esse crescimento no último ano, ele falou sobre seu sentimento em relação ao basquete.

“O que me fez crescer tanto nessa temporada foi a volta da minha confiança e da minha alegria de jogar. Todo jogador sabe que sem isso você se sente perdido na quadra. Hoje eu me sinto como nos tempos de base, quando o basquete parecia só uma brincadeira. Hoje é minha profissão, mas eu tenho a mesma alegria de quando eu era garoto”, declarou.

Seus recordes, atuações absurdas e highlights inesquecíveis marcaram a história do NBB. Sem dúvida alguma, os fãs de basquete tiveram a mesma alegria do garoto Georginho ao vê-lo brilhar na última temporada.

O NBB é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e em parceria com a NBA, e conta com os patrocínios oficiais da Budweiser, Unisal, Nike, Penalty, Plastubos e VivaGol.