#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Evolução reconhecida

14-05-2015 | 05:04
Por Liga Nacional de Basquete

Mais maduros e destaques em suas equipes, jovens Davi, Ricardo Fischer e Danilo Siqueira concorrem ao prêmio de Jogador que Mais Evoluiu do NBB 7

Ricardo Fischer, do Bauru, é um dos três indicados ao prêmio de Jogador que Mais Evoluiu do NBB 7 (Ale da Costa/Portrait)

Nesta quinta-feira (14/05), a LNB (Liga Nacional de Basquete) anunciou os três indicados ao prêmio de Jogador que Mais Evoluiu da temporada 2014/2015 do maior campeonato de basquete do país. A premiação faz parte do calendário anual da eleição dos Melhores do NBB e todos os vencedores serão conhecidos no dia 08/06 (segunda-feira), na Festa de Premiação dos Melhores do NBB 7, que será realizada em São Paulo (SP).

A votação, que contou com a participação de técnicos, assistentes e capitão das 16 equipes que disputaram a sétima edição da competição, além da imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros, apontou Danilo Siqueira, do Minas Tênis Clube, Davi Rossetto, do Basquete Cearense, e Ricardo Fischer, do Paschoalotto/Bauru, como os três mais votados e, consequentemente, candidatos ao prêmio de maior evolução.

+Saiba quem são os indicados para o prêmio de Melhor Defensor do NBB 7

Davi foi o grande destaque do Basquete Cearense no NBB 7 (Henrique Costa/Bauru Basket)

Davi foi o grande destaque do Basquete Cearense no NBB 7 (Henrique Costa/Bauru Basket)

Entre os três candidatos, Davi é o que teve a mais expressiva melhora em relação às médias da temporada anterior. Homem de confiança do técnico Alberto Bial, o jovem armador, de 22 anos, fechou sua participação no NBB 7 com sólidos 13,4 pontos, 4,5 assistências e 4,1 rebotes por jogo, totalizando 14,2 pontos de eficiência. Enquanto isso, na edição anterior da competição nacional, o jogador registrou 5,9 pontos, 3,1 assistências e 2,2 rebotes por partida, com 6,9 pontos de eficiência.

Nesta temporada, Davi também teve grande destaque na LDB (Liga de Desenvolvimento de Basquete) e conduziu o Basquete Cearense ao inédito título da competição nacional Sub-22, sendo eleito o MVP (jogador mais valioso) da decisão.

+Saiba quem são os indicados para o prêmio de Melhor Sexto Homem do NBB 7

Outro concorrente, Siqueira também melhorou suas médias em todos os fundamentos em relação à última temporada. Com praticamente o mesmo tempo de quadra do NBB 6 – 19,8 contra 20,4 minutos por jogo, o ala/armador do Minas, um dos quatro brasileiros pré-inscritos para a próxima edição Draft da NBA, registrou 8,8 pontos, 1,9 rebotes e 1,9 assistências na edição 2014/2015 da competição nacional.

Também indicado ao prêmio de Destaque Jovem, Danilo ainda cravou seus recordes pessoais em sua curta carreira durante o NBB 7: 26 pontos (no segundo jogo das oitavas de final contra Macaé), oito assistências (contra o Bauru na fase de classificação) e cinco rebotes (diante do Palmeiras/Meltex, também na fase de classificação).

+Saiba quem são os indicados para o prêmio de Destaque Jovem do NBB 7

Único indicado ao prêmio ainda em atividade na competição, Fischer, do Bauru, teve uma evolução diferente de seus concorrentes. Um dos grandes nomes da nova geração e eleito o MVP (jogador mais valioso) do último Jogo das Estrelas do NBB, o armador foi incumbido pelo técnico Guerrinha de ser o comandante em quadra da legião de craques montada pela equipe do interior paulista e, com isso, passou a tentar menos arremessos por partida.

Capitão da equipe em algumas oportunidades, o atleta, de apenas 24 anos, elevou sua média de assistências por jogo de 5,2 para 6,2 e ainda cravou seu recorde pessoal no fundamento, com 12 passes decisivos no segundo jogo da semifinal contra o Mogi das Cruzes/Helbor, partida em que também acertou o arremesso que decretou a dramática vitória de sua equipe nos segundos finais.

A premiação de Jogador que Mais Evoluiu faz parte do calendário anual da eleição dos Melhores do Ano do NBB, que também premiará Destaque Jovem, Melhor Defensor, Sexto Homem, Melhor Atleta Estrangeiro, Melhor Técnico (Troféu Ary Vidal), MVP (Jogador Mais Valioso) e Quinteto Ideal (Armador, Ala/armador, Ala, Ala/pivô e Pivô).

Danilo Siqueira viveu seu grande momento na temporada durante as oitavas de final do NBB 7 (Raphael Bózeo/Macaé Basquete)

Danilo Siqueira viveu seu grande momento na temporada durante as oitavas de final do NBB 7 (Raphael Bózeo/Macaé Basquete)

Também foram votados para o prêmio de Jogador que Mais Evoluiu do NBB 7:
Cristiano Felício (Flamengo), Deryk (Winner/Limeira), Fiorotto (Winner/Limeira), Henrique Coelho (Minas Tênis Clube), Jamaal (Macaé Basquete), Léo Meindl (Franca Basquete), Lucas Mariano (Franca Basquete), Neto (Palmeiras/Meltex), Ronald (UniCEUB/BRB/Brasília) e Tyrone Curnell (Mogi das Cruzes/Helbor)

Confira todos vencedores do prêmio de Jogador que Mais Evoluiu na história*:
2013/2014 – Paulão Prestes (Franca Basquete)
2012/2013 – Gui Deodato (Paschoalotto/Bauru)
2011/2012 – Gui Deodato (Paschoalotto/Bauru)
2010/2011 – Vitor Benite (Vivo/Franca)
2009/2010 – Audrei (Joinville)

*o prêmio não foi atribuído na primeira edição do NBB (2008/2009)