#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Flamengo vence Pinheiros por um ponto na rodada de estreia do NBB

29-01-2009 | 07:14
Por Liga Nacional de Basquete

Sete jogos e muita emoção marcaram a abertura do campeonato da LNB: Limeira venceu Joinville na prorrogação e Franca o Saldanha por um ponto

São Paulo – Pinheiros e Flamengo/Petrobras fizeram um jogo muito equilibrado, decidido no último segundo. O Flamengo venceu por 90 a 89, com dois lances livres de Marcelinho, que foi o cestinha do jogo com 36 pontos. Marquinhos, o principal marcador do Pinheiros, fez 28. Sete jogos marcaram a rodada de abertura do Novo Basquete Brasil (NBB), nesta quarta-feira, no ginásio do Esporte Clube Pinheiros, em São Paulo. A rodada, com 14 dos 15 clubes do NBB – o GRSA/Itabom/Bauru folgou – marca o início da competição da Liga Nacional de Basquete (LNB), organizada pelos clubes. O campeonato tem parceria da Rede Globo.

O jogo foi aberto com uma homenagem ao veterano Jatyr Schall, campeão mundial com a seleção brasileira em 1959, título que completa 50 anos no sábado (31/1).

“É um campeonato forte, com jogadores de excelente nível técnico. Eles têm o Marquinhos, nós o Marcelinho. E esperamos mesmo muita competitividade. O Flamengo sentiu a falta de ritmo. Afinal este é o nosso terceiro jogo da temporada. O nosso Estadual é muito fraco”, disse Paulo Chupeta, técnico do Flamengo, que passou grande tensão no último quarto. “O basquete é apaixonante por causa disso. Um jogo é definido no último segundo, como esse. Espero que assim, o NBB resgate o público e o basquete a popularidade”, acrescentou Chupeta.

Para o pivô Baby, que estava jogando na Rússia, foi bom ver que o campeonato será equilibrado. “Jogamos mal na defesa, mas fomos eficientes no ataque.” O ala-armador Marcelinho disse que só é importante ser o cestinha quando também se tem efetividade no jogo. “Fico feliz por ver o Flamengo estrear com vitória. A efetividade é o que me motiva.”

<b>Falta entrosamento</b>

O pivô Marquinhos, do Pinheiros, gostou de ver a grande disputa entre os times, mas apontou a falta de entrosamento em seu grupo. “Os jogadores do Pinheiros tem se focar mais para conseguir resultados melhores.” O técnico Cláudio Mortari disse que o Flamengo é um time campeão mesmo e o Pinheiros está estreando agora alguns jogadores. “Ainda falta entrosamento na equipe. Soubemos explorar a posse de bola em alguns momentos decisivos do jogo e isso compensou as deficiências.”

O Pinheiros, escalado pelo técnico Claudio Mortari, teve Bruno Mortari, Benites, Leonardo Morro, Alexandre e Marquinhos. O Flamengo/Petrobras, do técnico Paulo Chupeta, começou com Hélio, Marcelinho, Duda, Jefferson e Baby.

O time do Rio dominou o placar no primeiro quarto e chegou a abrir nove pontos de vantagem: 20/11. Mas não conseguiu dominar o primeiro tempo com facilidade. O Pinheiros reagiu, empatou por 30 a 30, no segundo quarto. O Flamengo chegou a abrir seis pontos (40/34), mas o Pinheiros novamente encostou. Os dois times passaram a se revezar na frente no marcador, numa boa briga, entre os repatriados Baby e Marquinhos sob o garrafão. O Pinheiros foi para o vestiário, no intervalo do jogo, dois pontos a frente (53/51).

Os times fizeram um segundo tempo emocionante, de grandes mudanças no placar. O Pinheiros dominou o terceiro quarto e chegou a abrir 9 pontos de vantagem (62/53). O Flamengo encostou no placar 65/64 e 73/72 e passou 78/73. Mas nenhum dos dois times se entregou até o final e os técnicos passaram a usar todos os recursos do banco de reservas. Faltando menos de um minuto para o fim, o Pinheiros passou 87/86 e a decisão foi dramática. A 20 segundos de zerar o tempo o Pinheiros vencia por 89 a 88 e o técnico Paulo Chupeta pediu tempo para armar uma jogada. Com uma falta e dois lances livres de Marcelinho, o Flamengo venceu por um ponto: 90 a 89.

<b>Os resultados de toda a rodada</b>

Cetaf/Garoto/UVV/PMVV 77 x 56 Lupo/Araraquara
Universo/BRB/Financeira Brasília 88 x 75 Amigão/Andorinha/Unimed/Assis
Pinheiros 89 x 90 Flamengo Petrobras
Paulistano/Amil 82 x 76 Pitágoras/Minas
São José/Unimed/Vinac 73 x 68 Univates/Bira
Winner/Limeira 93 x 88 Ciser/Araldite/Univille/Joinville
Saldanha da Gama 79 x 80 Vivo/Franca