Uma atuação para ninguém botar defeito. Foi assim que o Winner/Kabum/Limeira conseguiu vencer o Pinheiros/SKY, no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo, no segundo jogo da série válida pelas oitavas de final do NBB 2012/2013. Com um desempenho constante, tanto no ataque quanto na defesa, a equipe do interior paulista dominou os donos da casa do início ao fim, levou a melhor no jogo realizado no início da tarde deste domingo, pelo placar de 95 a 82, a abriu dois a zero no confronto.

As equipes voltarão à quadra já nesta segunda-feira, às 19 horas (de Brasília),  para o terceiro jogo do duelo, novamente nos domínios dos pinheirenses e com transmissão ao vivo do canal SporTV. Caso saia vencedor, o esquadrão limeirense fechará a série e garantirá vaga nas quartas de final do maior campeonato de basquete do país. Enquanto isso, os atuais campeões da Liga das Américas não podem mais pensar em perder caso queiram seguir vivos na competição.

Para sair vencedor no duelo realizado na capital paulista, o time comandado pelo técnico Demétrius contou com uma atuação soberana do armador Hélio, que deixou a quadra com expressivos 25 pontos, oito assistências e seis rebotes, totalizando 32 pontos de eficiência. Além do camisa sete, o ala Diego e o ala/armador Ronald Ramon, com 18 e 15 pontos, respectivamente, também foram fundamentais para o triunfo limeirense.

“Estamos jogando forte. Tivemos uma semana para nos prepararmos para esta série. Entramos em quadra sabendo o que precisaríamos fazer para vencer e deu certo. Estamos focados em defender muito bem e acho que conseguimos. Além disso, estamos jogando como um time no ataque”, explicou Ramon.

Pelo lado do Pinheiros, os destaques ficaram por conta do trio formado Joe Smith, autor de 19 pontos, Shamell, que anotou 16 tentos, e Paulinho, que somou outros 16 pontos.

“A gente está esperando acontecer. Estamos sempre correndo atrás. Eles abrem e depois temos que tentar buscar. Isso faz nosso time enfraquecer no final, o desgaste é muito grande. Temos que fazer um primeiro quarto mais forte”, disse o pivô pinheirense André Bambu.

Apesar de a primeira cesta da partida ter sido dos donos da casa, nas mãos do pivô Fiorotto, foi o time visitante que começou a partida em um ótimo ritmo. Com um alto aproveitamento nos arremessos de média e longa distância e sem dar espaços aos rivais do outro lado da quadra, o esquadrão limeirense abriu 13 a 4 de frente, com pouco mais de quatro minutos jogados no primeiro quarto.

Sem abaixar o ritmo, a equipe do interior paulista seguiu ampliando a diferença no placar a seu favor, graças a um ótimo trabalho tanto na defesa quanto no ataque. No último lance da parcial inicial, Fernando Mineiro converteu um arremesso de três pontos no estouro do cronômetro e Limeira cravou sua maior vantagem na partida: 26 a 11.

Depois da atuação apática no primeiro período, o Pinheiros voltou com tudo para o segundo quarto. Até então zerado na partida, o norte-americano Smith converteu dois tiros de longa distância nos minutos inicias da parcial e liderou uma ótima sequência dos representantes da capital paulista: 11 a 2 para diminuir o prejuízo no placar para 28 a 22.

A partir deste momento, os anfitriões, ainda liderados por boas jogadas de seu camisa dez, tentaram a todo custo virar o placar, mas os comandados do técnico Demétrius fizeram jogo duro e conseguiram manter a liderança do confronto. Ramon e Hélio mostraram muita categoria e foram fundamentais para que a equipe do interior fosse para os vestiários com cinco pontos de frente: 43 a 38.

Na volta do intervalo, o time limeirense mostrou muita regularidade dos dois lados da quadra e voltou a colocar boa vantagem a seu favor, muito por conta da boa atuação de Hélio. A equipe visitante emplacou uma sequência de 13 a 5, com pouco mais de quatro minutos jogados no terceiro quarto, e estendeu a diferença no placar para 13 pontos (56 a 43). Mesmo com o time da capital paulista tendo apresentado uma melhora, Limeira seguiu mostrando um ótimo basquete e manteve os 13 pontos de frente ao final da terceira parcial: 65 a 52.

Com uma atuação imponente, sem permitir com que os donos da casa se aproximassem no placar em nenhum momento, o time do interior paulista mostrou muita tranquilidade para confirmar sua vitória durante o último período. Os pinheirenses bem que tentaram reagir, com uma “chuva” de bola de três pontos nos minutos finais, mas não tiveram sucesso. Desta maneira, a festa ficou mesmo com o pequeno número de torcedores que saíram de Limeira para acompanhar a importante vitória dos comandados de Demétrius na capital paulista.