#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Novo ânimo

21-11-2013 | 07:31
Por Liga Nacional de Basquete

Completamente recuperado da lesão no joelho, Leandrinho não vê a hora de entrar em quadra pelo Pinheiros; estreia será no próximo sábado, diante do Flamengo

Foram mais de sete meses de recuperação, mas Leandrinho Barbosa está apto para voltar às quadras. Grande contratação do Pinheiros/SKY para a temporada 2013/2014 do basquete brasileiro, o ala/armador foi apresentado oficialmente pelo clube da capital paulista nesta quinta-feira e mostrou muita empolgação para atuar pela primeira vez por sua nova equipe.

De volta a seu país natal e pela segunda vez na disputa do NBB, o jogador está pronto para estrear pelo esquadrão da capital paulista. E a espera de Leandrinho tem data para terminar. O atleta está confirmado para o próximo duelo do Pinheiros pela sexta edição do maior campeonato de basquete do país, neste sábado, às 16 horas (de Brasília), contra o atual campeão Flamengo. O confronto será realizado no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo e terá transmissão ao vivo do canal SporTV.

“Fiquei mais de sete meses afastado e não vejo a hora de poder jogar uma partida oficial. Estou aqui no Pinheiros e muito feliz com esta oportunidade que este clube maravilhoso me deu. Não aguento mais ver basquete pela TV e quero entrar em quadra logo. Essa vindo para o Pinheiros é um novo ânimo para mim e estou muito empolgado em fazer parte desta família que é esse time”, disse o jogador, que está completamente recuperado da lesão sofrida no joelho esquerdo, em fevereiro deste ano.

 

Em sua apresentação, Leandrinho foi recepcionado pelo presidente do Esporte Clube Pinheiros, Luis Eduardo Dutra Rodrigues, e pelo diretor de basquete do clube e vice-presidente da Liga Nacional de Basquete (LNB), João Fernando Rossi. E elogios não faltaram ao novo reforço da equipe para a disputa do NBB 2013/2014 e também da Liga das Américas 2014.

” Ele é um excelente atleta e vem somar a nossa equipe de basquete. O Pinheiros é um clube olímpico  e estamos muito felizes de poder engrandecer não só o nosso basquete, mas como toda a modalidade no país. Esse esporte tem que ser elogiado pelo enorme crescimento que teve nos últimos anos e estamos contribuindo para essa evolução com a chegada do Leandrinho”, afirmou o presidente pinheirense.

Apesar de ter sido anunciado oficialmente como reforço do Pinheiros apenas na última quarta-feira, Leandrinho já está completamente adaptado ao time da capital paulista. Há pouco mais de um mês, o jogador, eleito o Melhor Sexto Homem da temporada 2006/2007 da NBA, iniciou os treinos com a equipe, inicialmente para auxiliar em sua recuperação da grave lesão no joelho esquerdo. Mas agora o cenário é outro e o técnico Cláudio Mortari não titubeou em garantir a estreia do atleta no próximo sábado.

“Estou muito entusiasmado em tê-lo na equipe. Ele ainda não está em perfeitas condições físicas, mas ele supera com o incrível talento que ele tem. Acho que ele não esqueceu como se joga por aqui e ele vai para o jogo no sábado. Prefiro tê-lo aqui no meu vestiário, do que ter que pensar em como marca-lo. Tendo ele aqui as coisas ficam um pouco mais fáceis”, explicou o experiente treinador do Pinheiros.

Pela segunda vez na disputa do NBB, Leandrinho está empolgado com o bom momento do maior campeonato de basquete do país. Durante o locaute da NBA, em 2011, o jogador atuou pelo Flamengo em seis partidas e agora terá a oportunidade de disputar a competição novamente.

“O NBB mudou o basquete brasileiro. Deu uma força máxima para a modalidade. Lá fora somos muito bem vistos e respeitados e isso se deve ao crescimento do NBB. Temos muitos estrangeiros na Liga e fico feliz com esse bom momento que o campeonato vive. É muito gratificante para mim poder voltar”, exaltou Leandrinho, que vestirá a camisa de número 28 no Pinheiros

Empolgado pelo alto nível do NBB, Leandrinho também está tranquilo quanto ao entrosamento com seus novos companheiros. Após o período de treinos com a equipe, o atleta não vê problemas para se adaptar rapidamente ao estilo de jogo dos atuais campeões da Liga das Américas. O atleta até comparou a maneira de jogar do Pinheiros com o do Phoenix Suns da metade da última década. Na equipe do Arizona o jogador viveu seu auge e conseguiu o prêmio de Melhor Reserva da liga norte-americana de basquete.

“Tudo indica que não terei problemas para me adaptar. Todos os jogadores do time entendem bem do jogo e eu estou aqui para somar. Estamos em busca das vitórias e vou tentar dar meu máximo possível. O pessoal aqui gosta de correr bastante e me lembra o estilo de jogo do Phoenix Suns na época que estava por lá. Eu gosto muito de jogar dessa maneira e isso facilita bastante”, concluiu o jogador, de 30 anos.