#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Parabéns, Paulão!

22-05-2014 | 04:40
Por Liga Nacional de Basquete

Dono de grandes atuações durante a temporada, pivô Paulão apresenta significativa melhora em relação ao último NBB e fica com o prêmio de Jogador que Mais Evoluiu

Premiação vencida por Paulão é dada ao jogador que demonstra uma evolução significativa em relação à temporada anterior (Newton Nogueira/Divulgação)

Prêmio vencido por Paulão é dado ao jogador que apresenta uma evolução significativa em relação à temporada anterior (Newton Nogueira/Divulgação)

Foi uma evolução e tanto. Depois de atuar de maneira discreta na última temporada pelo UniCEUB/BRB/Brasíla, o pivô Paulão Prestes deu a volta por cima. Com a camisa do Vivo/Franca, o jogador foi um dos grandes nomes da edição 2013/2014 do NBB e sua expressiva melhora foi reconhecida.

Em votação realizada por técnicos, assistentes e capitães das 17 equipes participantes do NBB 2013/2014, imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros, o atleta de 2,10m de altura foi eleito o Jogador que Mais Evoluiu e garantiu um lugar entre os Melhores do Ano do maior campeonato de basquete do país.

Depois de mais de oito anos atuando em solo europeu, Paulão voltou ao Brasil na última temporada para atuar pela equipe do Distrito Federal. Em sua estreia no NBB, Paulão somou médias de 12,4 pontos, 8,0 rebotes e 17,5 de eficiência por partida e registrou seis duplos-duplos.

Já na atual edição, o pivô elevou seus números para 18,7 pontos, 9,4 rebotes e 21,8 de eficiência – a maior média do quesito de todo o campeonato -, conseguiu expressivos 19 duplos-duplos e foi o grande destaque da campanha do esquadrão do interior paulista, que acabou eliminado nas quartas de final, em uma série eletrizante contra o Paulistano/Unimed.

Paulão viveu momentos brilhantes com a camisa francana nesta temporada (Newton Nogueira/Divulgação)

Paulão viveu momentos brilhantes com a camisa francana nesta temporada (Newton Nogueira/Divulgação)

Além da nítida evolução em suas médias, Paulão também mostrou uma grande melhora física. No último NBB, o jogador, de 26 anos e com passagens pela Seleção Brasileira, sofreu com contusões e esteve em quadra apenas em 21 das 39 partidas disputadas pelo Brasília. Enquanto isso, na atual temporada, o pivô desfalcou o Franca somente em dois dos 42 jogos realizados pela equipe na competição e ainda foi convocado para defender o NBB Brasil no Jogo das Estrelas 2014.

Ao todo, 16 jogadores foram lembrados durante a votação e, para garantir o prêmio, Paulão somou 28,9% dos votos possíveis. A segunda colocação ficou com o armador Gegê, do Flamengo, com 23,7%, e o também pivô Ronald, do Brasília, ficou na terceira posição, com 10,3% dos votos.

Com o anúncio da vitória de Paulão na categoria de Jogador que Mais Evoluiu, a lista dos Melhores da Temporada do NBB tem somente os prêmios de Melhor Técnico (Troféu Ary Vidal), MVP (Jogador Mais Valioso) e a atribuição do quinteto ideal a serem atribuídos. Até o momento já foram divulgados os vencedores dos postos de Destaque Jovem (Henrique Coelho, do Minas Tênis Clube), Melhor Sexto Homem (Hélio, do Winner/Kabum/Limeira), Melhor Defensor (Alex Garcia, do Brasília) e Melhor Estrangeiro (David Jackson, do Winner/Kabum/Limeira).

A votação para a eleição dos Melhores da Temporada teve diferentes pesos atribuídos a cada grupo de eleitores e os votos dos técnicos e assistentes representaram 50% do valor total. Imprensa, personalidades, comissários e árbitros tiveram somados o peso de 30% do resultado final e as indicações dos capitães valeram por 20%.

Confira o resultado final da votação para Jogador que Mais Evoluiu:

1º – Paulão Prestes (Vivo/Franca): 28,9% dos votos
2º – Gegê (Flamengo): 23,7% dos votos
3º – Ronald (UniCEUB/BRB/Brasília): 10,3% dos votos
4º – César (Paulistano/Unimed): 7,9% dos votos
5º – Jefferson Campos (Mogi das Cruzes/Helbor): 7,4% dos votos
6º – Gui Deodato (Paschoalotto/Bauru): 4,7% dos votos
7º – Jefferson (São Jps[e/Unimed): 4,5% dos votos
8º – Schneider (Liga Sorocabana): 3,7% dos votos
9º – Léo Meindl (Vivo/Franca): 1,6% dos votos
10º – Ricardo Fischer (Paschoalotto/Bauru): 1,3% dos votos
11º – Holloway (Paulistano/Unimed): 1,3% dos votos
12º – Eddy (Espírito Santo Basquete): 1,3% dos votos
13º – Jimmy (SKY/Basquete Cearense): 1,3% dos votos
14º – Thyago Aleo (Palmeiras/Meltex): 0,8% dos votos
15º – Lucas Mariano (Vivo/Franca): 0,8% dos votos
16º – Elinho (Minas Tênis Clube): 0,5% dos votos

Confira todos vencedores do prêmio de Jogador que Mais Evoluiu na história*:

2012/2013 – Gui Deodato (Paschoalotto/Bauru)
2011/2012 – Gui Deodato (Paschoalotto/Bauru)
2010/2011 – Vitor Benite (Vivo/Franca)
2009/2010 – Audrei (Joinville)

*o prêmio não foi atribuído na primeira edição do NBB (2008/2009)