O Vivo/Franca deu um passo importantíssimo para avançar para as quartas de final do NBB ao vencer, nesta terça-feira, a Liga Sorocabana, fora de casa, por 72 a 69. Com a vitória, os francanos abriram 1 a 0 na série de oitavas de final da competição.

Três jogadores do Franca se destacaram no jogo ao anotarem mais de 10 pontos: o armador Juan Pablo Figueroa (13), o ala/armador Cauê Borges (10) e o pivô Romário (10). O cestinha da partida foi o armador norte-americano da Liga Sorocabana, Kenny Dawkins, com 17 pontos.

“O jogo foi emocionante. Cometemos alguns erros que não podemos repetir nos outros jogos, mas temos que continuar focados para tentarmos vencer os próximos dois confrontos em casa”, afirmou o ala/pivô do Franca, Teichmann.

O nervosismo de início de playoffs tomou conta de ambas as equipes no primeiro quarto. Os dois times fizeram um jogo cadenciado, sem forçar muitas bolas no ataque. Os francanos pressionaram o adversário quadra inteira, mas a Liga Sorocabana conseguiu se safar da pressão ofensiva do adversário com o jogo em velocidade. O equilíbrio da primeira etapa deixou o jogo empatado em 16 a 16.

O início do segundo quarto também foi mais nervoso com um aproveitamento mais baixo nos arremessos de quadra. Aproveitando alguns contra-ataques, o Franca assumiu a frente do marcador e abriu uma pequena vantagem de seis pontos (31 a 25). Porém nos minutos finais, o armador Kenny Dawkins pôs a bola embaixo do braço e marcou quatro pontos consecutivos diminuindo a diferença antes do intervalo (31 a 29).

Se a Liga Sorocabana havia conseguido sair da marcação pressão do Franca na primeira metade do jogo, no início do terceiro quarto, isso foi um pouco mais difícil. Logo nos primeiros minutos, o time francano abriu 10 pontos de vantagem (41 a 31). Assim, a Liga Sorocabana precisou buscar o resultado durante toda a etapa. Esforço que deu certo quando a diferença baixou para seis pontos (53 a 47) no fim do período.

Os sorocabanos continuaram firmes na busca pela virada e somente com quatro minutos para o final do jogo é que eles chegaram bem perto do adversário. Com uma bola de 3 do ala Fabrício, os mandantes encostaram dois pontos no placar (61 a 59). A partir daí, a torcida sorocabana entrou no jogo e apoiou muito seus ídolos em quadra.

Com um minuto para o final do jogo, o ala Holloway acertou um arremesso do garrafão, que deixou a Liga Sorocabana dois pontos atrás (68 a 66). No ataque seguinte, o pivô do Franca, Lucas Mariano foi para a bandeja e tomou o toco de De Bem. No rebote, Holloway sofreu falta e foi cobrar dois lances livres. O norte-americano errou o primeiro e acertou o segundo arremesso (68 a 67).

Após o tempo do técnico Lula Ferreira, os francanos foram para o ataque e Lucas Mariano sofreu falta. Dessa vez, o jogador acertou os dois lances e colocou o time visitante três pontos na frente (70 a 67). Com poucos segundos no cronômetro, a Liga Sorocabana foi para os dois pontos, que veio com Holloway (70 a 69). Faltando apenas oito segundos no relógio, o Franca tinha novamente a posse de bola. Quando Juan Pablo Figueroa encostou na bola, Dawkins fez a falta e levou o argentino para os dois lances livres, ambos convertidos (72 a 69). Os mandantes ainda tinham 5,8 segundos no relógio, mas De Bem não foi feliz no arremesso de 3.

“A vitória passou entre os nossos dedos. Perdemos no detalhe. A torcida nos ajudou bastante, mas hoje não deu. Agora, temos dois jogos lá e precisamos vencer para ficarmos vivos na série”, disse o armador da Liga Sorocabana, Neto.

Confira os resultados e os próximos jogos da série:

(5º) Vivo/Franca 1 x 0 Liga Sorocabana (12º)
16/04 – Liga Sorocabana 69 x 72 Vivo/Franca
19/04 – Ginásio do “Pedrocão”, em Franca (SP) às 20 horas
20/04 – Ginásio do “Pedrocão”, em Franca (SP) às 19horas
22/04* – Ginásio Gualberto Moreira, em Sorocaba (SP), às 20 horas
25/04* –  Ginásio do “Pedrocão”, em Franca (SP) às 20 horas