#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Série dos visitantes

Pinheiros PIN 76
x
89 Uberlândia UBE
23
1ºQ
X
24
15
2ºQ
X
20
18
3ºQ
X
17
20
4ºQ
X
28

Poliesportivo H. Villaboim

7 de maio de 2013

Fora de casa, Uberlândia mantém domínio dos visitantes na série, vence o Pinheiros e leva o confronto de quartas de final para o quinto jogo

DOCUMENTOS:
Súmula Borderô
76
X
89
76
PTS
89
9
A3C
13
19
A2C
18
11
LLC
14
23
RT
29
12
ASS
16

Pts: Pontos RT: Rebotes ASS: Assistências A3C: Arremessos de três certos A2C: Arremessos de dois certos LLC: Lances livres certos
(*) Colocação refere-se a rodada em que esta partida foi realizada

Assim como os três jogos anteriores, o jogo quatro da série de quartas de final do NBB 2012/2013 entre Unitri/Universo e Pinheiros/SKY foi vencido pelo visitante. Nesta terça-feira, em São Paulo (SP), os mineiros triunfaram, por 89 a 76, e levaram a decisão da vaga para as semifinais do NBB5 para a quinta partida.

“Nos playoffs tudo é possível. É bem estranho, mas são duas equipes de qualidade que podem ganhar em qualquer ginásio. É até difícil de explicar essa situação. Mas estamos felizes com a vitória e agora é manter o foco para o Jogo 5″, declarou o ala Robert Day.

O cestinha do esquadrão mineiro na partida foi o pivô Cipolini, autor de 20 pontos, seguido de Gruber, com 19, e o norte-americano Robert Day, com 14 tentos. Pelo lado do Pinheiros, o também nascido nos Estados Unidos, Shamell, foi o maior pontuador, com 19 pontos.

Uma curiosidade que apimenta ainda mais esta série é o fato de ser a primeira vez que acontecem quatro vitórias dos visitantes em um confronto de playoffs na história do NBB.

[galeria id=”37770”]

A disputa foi intensa desde o primeiro segundo de partida, mas o Pinheiros se sobressaiu, como de costume, na base dos arremessos longos, chegou a abrir 12 a 4. Com Cipolini dominando as ações do jogo, o Uberlândia chegou a empatar o confronto (18 a 18). No minuto final, os mineiros passaram a frente no placar após quatro pontos seguidos de Gruber (24 a 23).

O bom ritmo uberlandense continuou no segundo período, em que a equipe de Hélio Rubens chegou a colocar sete pontos de frente (34 a 27). Audrei saiu do banco e teve excelente exibição, tanto no ataque, quanto na defesa. Um momento que marcou a segunda etapa foi a primeira cesta do armador Helinho, do Uberlândia, desde que se acidentou em um treino e ficou mais de um mês afastado. Mantendo sempre a ponta do placar, o time de Minas Gerais fechou a primeira metade do duelo na frente por 44 a 38.

Logo na volta dos vestários, os mineiros abriram sua maior vantagem na partida: oito pontos (46 a 38). Porém, os pinheirenses foram liderados pela inspiração de Shamell para encostar de vez no placar (48 a 46). Sem se abalar com a reação do adversário, o Uberlândia tornou a abrir boa vantagem, e novamente, a maior do jogo, desta vez foram 11 de frente (59 a 48). Nos minutos finais, o Pinheiros continuou dando problemas ao adversário e levou o jogo para a etapa final perdendo por 61 a 56.

Até então apagado na partida, começou a brilhar a estrela de Robert Day, que começou a fazer excelentes jogadas e ajudou a equipe mineira a abrir 11 pontos na metade do período final (76 a 65). A partir daí, o Uberlândia foi administrando a vantagem até o final do confronto, que sacramentou a vitória uberlandense por 89 a 76.

“Eu acredito muito no potencial das duas equipes. São duas equipes fortíssimas e são partidas que prevalecem os detalhes. Hoje falhamos mais do que eles, mas da mesma forma, eles falharam lá em Uberlândia. Agora precisamos nos concentrar pois quinta-feira é o jogo decisivo”, disse o pivô André Bambu, que deixou a quadra com 15 pontos.

Agora, a decisão da vaga nas semifinais da maior competição de basquete do país será na próxima quinta-feira, no Ginásio Sabiazinho, em Uberlândia (MG), às 20 horas (de Brasília).

 

Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ET +/- EF
#24 Shamell 1 36.5 19/32 (59) 2+1 3 5 2/6 (33) 5/5 (100) 3/4 (75) 0 0 3.00 6.00 3 -15 19
#14 A. Bambu 1 27.0 15/23 (65) 2+0 2 0 2/3 (67) 4/6 (67) 1/2 (50) 1 0 4.00 2.00 0 -5 14
#10 Joe Smith 1 39.5 12/29 (41) 4+0 4 4 2/7 (29) 3/4 (75) 0/0 (0) 1 0 3.00 2.00 2 -13 13
#15 Márcio 1 26.4 12/22 (55) 3+1 4 0 3/6 (50) 1/1 (100) 1/2 (50) 1 0 5.00 3.00 0 -6 13
#12 Mineiro 1 34.6 10/26 (38) 2+1 3 0 0/2 (0) 3/7 (43) 4/6 (67) 1 1 3.00 4.00 1 -12 6
#11 Araujo 1 9.9 4/4 (100) 0+1 1 0 0/0 (0) 1/1 (100) 2/2 (100) 0 0 2.00 1.00 1 -7 4
#13 B. Fiorotto 1 8.6 2/8 (25) 2+1 3 1 0/0 (0) 1/4 (25) 0/0 (0) 0 0 1.00 1.00 0 -2 3
#9 Paulinho 1 17.2 2/13 (15) 1+0 1 2 0/3 (0) 1/2 (50) 0/0 (0) 0 0 2.00 0.00 3 -5 -2
#7 F. Penna 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#8 Morro 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#9 Lucas 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#25 Bruno Mortari 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
Equipe 1 0.0 76/157 (48) 18+5 23 12 9/27 (33) 19/30 (63) 11/16 (69) 6 1 23.00 19.00 10 0 74
Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ET +/- EF
#15 Cipolini 1 36.5 20/28 (71) 3+2 5 3 2/2 (100) 5/9 (56) 4/4 (100) 0 1 2.00 8.00 1 10 24
#7 Gruber 1 31.3 19/36 (53) 5+0 5 0 3/6 (50) 3/7 (43) 4/4 (100) 0 1 4.00 4.00 3 10 15
#31 Robert Day 1 32.1 14/27 (52) 2+1 3 2 2/5 (40) 3/5 (60) 2/2 (100) 2 0 3.00 2.00 2 11 14
#14 Collum 1 35.5 13/18 (72) 4+0 4 7 3/4 (75) 1/2 (50) 2/2 (100) 3 0 4.00 3.00 3 9 22
#22 Audrei 1 18.6 11/20 (55) 3+1 4 2 1/2 (50) 3/5 (60) 2/4 (50) 1 0 1.00 4.00 1 5 12
#9 Valtinho 1 30.3 7/12 (58) 4+1 5 2 1/2 (50) 2/3 (67) 0/0 (0) 1 0 3.00 2.00 2 12 11
#10 Helinho 1 3.6 3/6 (50) 0+0 0 0 1/2 (50) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 2 2
#7 Estevão 1 4.5 2/2 (100) 0+0 0 0 0/0 (0) 1/1 (100) 0/0 (0) 0 0 1.00 0.00 0 4 2
#21 Leonardo 1 7.6 0/0 (0) 1+0 1 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 1.00 0.00 0 2 1
#12 Leandro 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
#8 Luan 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0
Equipe 1 0.0 89/149 (60) 24+5 29 16 13/23 (57) 18/32 (56) 14/16 (88) 8 2 19.00 23.00 12 0 106