O segundo finalista do NBB 2012/2013 só será conhecido no próximo sábado. Diante de um Ginásio Lineu de Moura completamente lotado, o São José/Unimed derrotou o Flamengo, pelo placar de 96 a 88, e levou a decisão da série semifinal para a quinta partida.

Após abrir vantagem de 11 pontos no primeiro quarto e chegar a colocar 16 pontos de frente na segunda parcial, o esquadrão do interior paulista teve que segurar uma reação dos cariocas para empatar o confronto e forçar a realização do jogo decisivo do confronto, que será disputado no próximo sábado, na Arena HSBC, no Rio de Janeiro (RJ), às 21h45 (de Brasília).

Para sair vencedor e se manter vivo no duelo, o time do interior paulista contou com ótimas exibições de seus cinco titulares. O cestinha foi o ala/pivô Jefferson, com 23 pontos, seguido pelo pivô Murilo e pelo ala Dedé, que marcaram 22 e 18 pontos, respectivamente.Enquanto isso, o ala/armador Andre Laws deixou a quadra com expressivos 15 pontos, sete assistências e seis rebotes.

Para fechar a noite brilhante do quinteto inicial do técnico Régis Marrelli, o armador Fúlvio ficou muito próximo de um duplo-duplo, ao anotar dez pontos e distribuir nove passes decisivos. Pelo lado do Flamengo, o destaque ficou por conta do ala Marquinhos, cestinha do jogo, com 29 pontos.

“Playoff é isso ai. Eles ganharam as duas lá no Rio de Janeiro e nós fizemos nosso dever de casa aqui em São José. Essa vitória foi muito importante para nós e agora vamos com moral para o quinto e decisivo jogo. Agora é tudo ou nada”, disse Dedé.

Logo de cara, o norte-americano Laws mostrou que estava disposto a assumir a responsabilidade pelo lado joseense. Com cinco pontos seguidos nos dois primeiros minutos do duelo, o ala/armador comandou o ótimo início da equipe da casa. No embalo de seu camisa 4, o esquadrão comandado pelo técnico Régis Marrelli seguiu imprimindo seu forte e intenso ritmo para colocar sete pontos de frente (13 a 6). Ainda no primeiro quarto, Dedé e Murilo conseguiram boas jogadas e o que estava bom para os anfitriões ficou ainda melhor. Do outro lado da quadra, os cariocas enfrentaram dificuldades para atacar e tiveram uma atuação abaixo do esperado na parcial inicial.

A boa vantagem no placar conquistada pelo São José agitou ainda mais a fanática torcida da cidade. Porém, foi no último lance do primeiro período que os fãs joseenses fizeram ainda mais barulho. Com apenas quatro segundos para o final da parcial, o jovem armador Ícaro recebeu a bola ainda na quadra de defesa, avançou e converteu um arremesso praticamente do meio da quadra. A ótima jogada do atleta de 20 anos fechou o placar do primeiro quarto em 30 a 19 para os paulistas e causou um barulho ensurdecedor vindo das lotadas arquibancadas do Lineu de Moura.

Com 11 pontos de vantagem, a agremiação do Vale do Paraíba teve tranquilidade para manter seu bom nível de atuação no início da segunda parcial. O trio Dedé, Laws e Murilo seguiu inspirado e a equipe chegou a colocar 16 pontos de frente (41 a 25). Mas, do outro lado, o Flamengo não se entregou. Insatisfeito com o rendimento de seu time nos dez minutos iniciais de jogo, o técnico rubro-negro José Neto resolveu lançar uma formação com quatro reservas ao lado de Marquinhos. E foi justamente o camisa 11 carioca que puxou a reação dos cariocas.

Em um “piscar de olhos”, o cestinha da fase de classificação da atual temporada do NBB converteu seis pontos seguidos, oriundos de uma bola de três pontos e de uma linda enterrada seguida de falta, e foi fundamental para que os visitantes diminuíssem a desvantagem no placar para dez pontos (41 a 31). Sem se intimidar com a reação dos rivais, o São José conseguiu segurar a diferença na casa dos dois dígitos. Até então zerado no jogo, Fúlvio converteu uma bola de três pontos e recolocou os paulistas nos trilhos. Depois de um final de quarto movimentado, as equipes foram para os vestiários ainda com os donos da casa na frente por 11 pontos de diferença: 51 a 40.

Após a parada para o intervalo, o clube da Gávea voltou mais ligado. Marquinhos voltou a aparecer bem e liderou a reação da equipe do Estado do Rio de Janeiro, que chegou a baixar o prejuízo no placar para apenas cinco pontos (62 a 57). Mas, o time mandante, graças a boas jogadas do até então discreto Jefferson, conseguiu segurar o ímpeto dos rivais. Porém, só por alguns minutos. Após boas jogadas de Shilto no garrafão, os cariocas voltaram a incomodar os rivais. O combustível final para a reação veio com uma bela bandeja de Benite, que ainda sofreu falta. Sendo assim, depois da jogada de três pontos do ala/armador, o Flamengo diminuiu a vantagem dos rivais para apenas três pontos (72 a 69).

No lance seguinte, Jefferson tentou reanimar o time do interior de São Paulo e acertou uma bola de três pontos. Porém, o troco dos visitantes veio na mesma moeda. No último lance do terceiro quarto, Marquinhos acertou um arremesso de longa distância, colocou ainda mais fogo na reação rubro-negra e manteve o placar com apenas três pontos de vantagem para os donos da casa: 75 a 72.

Mesmo com os cariocas tendo reduzido a diferença na placar para apenas um ponto (75 a 74), após dois lances livres certeiros de Shilton, São José não se intimidou e voltou a levantar sua torcida. Com uma sequência de seis a zero, que veio com cestas de Murilo e Dedé, duas vezes, os anfitriões colocaram 81 a 74. Mas, os cariocas conseguiram reequilibrar o jogo rapidamente e com sete pontos seguidos empataram o jogo em 81 a 81, com pouco mais de quatro minutos para o fim da partida.

Porém, os joseenses não se abalaram e seguiram atuando com tranquilidade. Mais calmos do que os cariocas, os representantes paulistas mostraram mais calma nos momentos decisivos, voltaram a colocar boa vantagem no placar e encaminharam a decisão da vaga na decisão do NBB para a quinta e decisiva partida para festa dos torcedores locais.

Confira o calendário completo do confronto:

(1º) Flamengo 2 x 2 São José/Unimed (7º)
14/05 (terça-feira) São José 80 x 72 Flamengo
17/05 (sexta-feira) – Flamengo 100 x 84 São José
19/05 (domingo) – Flamengo 106 x 86 São José
23/05 (quinta-feira) – São José 96 x 88 Flamengo
25/05 (sábado) – Arena HSBC, no Rio de Janeiro (RJ), às 21h45, com transmissão ao vivo do SporTV