#JOGAJUNTO

NBB CAIXA

Imparável

Basq. Cearense CEA 100
x
104 Brasília BRA

26 de Fevereiro de 2013

Com 40 pontos, Nezinho comanda vitória do Brasília sobre Basquete Cearense na prorrogação; atuais tricampeões chegam ao 11º triunfo consecutivo no NBB

DOCUMENTOS:
Súmula Borderô
100
X
104
0
PTS
0
0
A3C
0
0
A2C
0
0
LLC
0
0
RT
0
0
ASS
0

Pts: Pontos RT: Rebotes ASS: Assistências A3C: Arremessos de três certos A2C: Arremessos de dois certos LLC: Lances livres certos
(*) Colocação refere-se a rodada em que esta partida foi realizada

Imparável. É com essa palavra que se pode definir a atuação de Nezinho no Ginásio da Unifor, em Fortaleza (CE), nesta terça-feira. Em partida adiada da 21ª rodada do campeonato, o armador registrou a marca de 40 pontos e comandou a vitória do Uniceub/BRB/Brasília sobre o Basquete Cearense, na prorrogação, pelo placar de 104 a 100. Este foi o 11º resultado positivo dos candangos na competição nacional.

Com sua brilhante atuação em solo nordestino, Nezinho somou a melhor pontuação de sua carreira no NBB e igualou o recorde de tentos da temporada, registrado por Paulinho, do Pinheiros/SKY, diante do Vila Velha/Garoto/UVV, no dia 13 de dezembro de 2012. Para construir seu desempenho acima da média, o armador candango marcou 15 pontos no terceiro quarto, além de registrar 11 dos últimos 13 pontos da equipe brasiliense no tempo normal do confronto.

Agora, a equipe da capital federal possui a campanha de 20 vitórias e quatro derrotas (83,3% de aproveitamento) e segue na segunda colocação na tabela de classificação, na cola do líder Flamengo, que soma 22 triunfos em 24 partidas disputadas (91,6% de aproveitamento).

Do outro lado, André Góes também bateu seu próprio recorde de pontuação em todas as edições do NBB, ao deixar a quadra com 31 pontos. Com o revés, o time comandado pelo técnico Alberto Bial segue na parte intermediária da tabela de classificação, na décima colocação, com 11 vitórias em 24 jogos disputados (45,83% de aproveitamento).

[galeria id=”35406″]

As duas equipes começaram o duelo com tudo. Em menos de quatro minutos jogados, o placar já apontava 11 a 10 para os donos da casa, que contaram com um bom início do experiente Rogério. Foi então, que os cearenses passaram a dificultar as ações dos rivais na partida e conseguiram abrir uma boa diferença no placar. Sendo assim, a parcial inicial se encerrou com o esquadrão nordestino na frente, por 28 a 21.

Logo no início do segundo quarto, Brasília tratou de equilibrar as ações. Com uma “chuva” de bolas de três pontos certeiras – nas mãos de Giovannoni, Rossi e Nezinho, duas vezes -, a equipe chegou até a assumir a liderança do placar. A partir deste momento, o duelo ficou parelho, com os dois times se alternando na liderança. Porém, com bons desempenhos de André, Rogério e Drudi, o Basquete Cearense conseguiu segurar o bom momento dos adversários e foi para os vestiários com três pontos de vantagem: 51 a 48.

O alto nível prevaleceu na volta do intervalo. Depois de 20 minutos muito bem jogados, as equipes voltaram com o mesmo espírito para o terceiro período e a partida seguiu “lá e cá”. Foi então que brilhou a estrela de Nezinho. Inspirado, o armador brasiliense anotou incríveis 15 pontos na parcial e conseguiu colocar sua equipe em vantagem ao final do quarto. Mas, do outro lado os cearenses não abaixaram a cabeça e mantiveram a partida equilibrada. Com isso, o duelo chegou para seu último e decisivo período, com os atuais tricampeões do NBB na frente por apenas um ponto, 74 a 73.

As equipes caíram de produção no início da quarta parcial e passaram a errar mais do que acertar. Mesmo assim, os representantes de Fortaleza conseguiram abrir boa vantagem no placar (86 a 80), com pouco mais de três minutos para o fim do jogo. Porém, do outro lado estava Nezinho. O jogador converteu 11 dos últimos 13 pontos do Brasília  e quase deu a vitória para os brasilienses. Isso porque André Góes resolveu roubar a cena. Com cinco pontos consecutivos nos últimos segundos, o ala cearense empatou o placar em 93 a 93 e levou o duelo para a prorrogação.

O tempo extra foi uma verdadeira batalha de nervos. Brasília chegou a abrir vantagem, mas os nordestinos rapidamente empataram e a decisão ficou para os instantes finais da partida. Mesmo com o trio Nezinho, Arthur e Cipriano fora com cinco faltas, a equipe visitante teve frieza no último minuto e conquistou sua 11ª vitória consecutiva na atual temporada do NBB.

Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ER EN +/- EF
#40 André Goes 1 38.9 31/53 (58) 5+1 6 5 2/6 (33) 8/13 (62) 9/9 (100) 0 0 4.00 7.00 0 0 0 33
#19 Drudi 1 44.2 18/33 (55) 4+1 5 1 0/0 (0) 7/14 (50) 4/5 (80) 0 0 4.00 3.00 4 0 0 17
#33 Felipe 1 39.2 17/41 (41) 7+2 9 0 2/5 (40) 4/10 (40) 3/6 (50) 3 1 5.00 7.00 1 1 0 21
#14 Rogério 1 34.0 13/28 (46) 2+0 2 2 1/4 (25) 3/6 (50) 4/4 (100) 1 0 3.00 3.00 0 0 0 12
#17 Edu Mariano 1 31.4 7/14 (50) 4+2 6 1 1/2 (50) 2/4 (50) 0/0 (0) 1 0 2.00 0.00 1 0 0 12
#6 Matheus 1 13.2 6/11 (55) 0+1 1 1 1/2 (50) 1/1 (100) 1/3 (33) 0 0 5.00 4.00 1 0 0 7
#16 Adriano 1 5.1 4/4 (100) 0+0 0 0 0/0 (0) 1/1 (100) 2/2 (100) 0 0 1.00 1.00 0 0 0 4
#13 Schneider 1 10.4 3/11 (27) 1+1 2 0 0/2 (0) 1/2 (50) 1/1 (100) 0 0 3.00 1.00 1 0 0 2
#5 Davi 1 2.4 1/2 (50) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 1/2 (50) 0 0 1.00 1.00 0 0 0 1
#20 Rômulo 1 0.6 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 1.00 0.00 0 0 0 0
#18 Jimmy 1 0.7 0/0 (0) 0+1 1 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0 1
#4 Victor 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0 0
Equipe
Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ER EN +/- EF
#23 Nezinho 1 43.0 40/69 (58) 4+1 5 5 8/15 (53) 4/8 (50) 8/8 (100) 0 0 5.00 9.00 2 0 0 37
#12 Giovannoni 1 37.3 15/26 (58) 5+1 6 2 2/4 (50) 3/5 (60) 3/4 (75) 0 0 1.00 3.00 1 0 0 18
#17 Prestes 1 33.7 12/22 (55) 7+3 10 1 0/0 (0) 4/8 (50) 4/6 (67) 0 1 2.00 4.00 3 0 0 18
#4 Arthur 1 27.5 11/16 (69) 3+0 3 0 0/1 (0) 5/5 (100) 1/3 (33) 0 0 5.00 4.00 0 0 0 13
#10 Alex 1 19.5 10/17 (59) 0+0 0 2 1/3 (33) 2/2 (100) 3/4 (75) 0 0 3.00 2.00 1 0 0 9
#17 Rossi 1 22.0 6/17 (35) 3+1 4 1 2/5 (40) 0/1 (0) 0/0 (0) 0 1 2.00 1.00 0 0 0 8
#5 Tatu 1 17.2 4/11 (36) 1+0 1 2 0/2 (0) 1/1 (100) 2/3 (67) 0 0 3.00 3.00 1 0 0 4
#13 Pureza 1 1.2 3/3 (100) 0+0 0 0 1/1 (100) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 1 0 0 3
#31 Cipriano 1 21.1 3/10 (30) 2+4 6 1 0/0 (0) 1/4 (25) 1/2 (50) 0 0 5.00 3.00 0 0 0 7
#54 Alírio 1 2.6 0/0 (0) 1+0 1 1 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 3.00 0.00 0 0 0 2
#71 Bala 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0 0
Equipe
DESTAQUES DO JOGO
Basq. Cearense
PONTOS
André Goes
31
PTS
2. Drudi
18 PTS
3. Felipe
17 PTS
4. Rogério
13 PTS
5. Edu Mariano
7 PTS
REBOTES
Felipe
9
REB
2. André Goes
6 REB
3. Edu Mariano
6 REB
4. Drudi
5 REB
5. Rogério
2 REB
ASSISTÊNCIAS
André Goes
5
ASS
2. Rogério
2 ASS
3. Drudi
1 ASS
4. Edu Mariano
1 ASS
5. Matheus
1 ASS
Brasília
PONTOS
Nezinho
40
PTS
2. Giovannoni
15 PTS
3. Prestes
12 PTS
4. Arthur
11 PTS
5. Alex
10 PTS
REBOTES
Prestes
10
REB
2. Giovannoni
6 REB
3. Cipriano
6 REB
4. Nezinho
5 REB
5. Rossi
4 REB
ASSISTÊNCIAS
Nezinho
5
ASS
2. Giovannoni
2 ASS
3. Alex
2 ASS
4. Tatu
2 ASS
5. Prestes
1 ASS
DESEMPENHO DAS EQUIPES
100
X
104
0
PTS
0
0
A3C
0
0
A2C
0
0
LLC
0
0
RT
0
0
ASS
0
0
TO
0
0
EN
0
0
BR
0
0
FC
0
0
EF
0

T): Titular (EQ): Em quadra Min: Minutos em quadra Pts C/T %: Pontos certos/tentados 3P C/T %: Arremessos de três certos/tentados 2P C/T %: Arremessos de dois certos/tentados LL C/T %: Lances livres certos/tentados RO+RD RT: Rebotes ofensivos + Rebotes defensivos (Rebotes total) AS: Assistências BR: Bolas recuperadas TO: Tocos FC: Faltas cometidas FR: Faltas recebidas ER: Erros totais EN: Enterradas +/-: Diferença de pontuação enquanto o atleta estava em quadra EF: Eficiência = (Pontos + Rebotes + Tocos + Bolas recuperadas + Assistências) - (Arremessos de dois errados + Arremessos de três errados + Lances livres errados + Erros + Violações
(*) Colocação refere-se a rodada em que esta partida foi realizada

COMPARE OS JOGADORES NA PARTIDA
SELECIONE
Basq. Cearense X Brasília
SELECIONE
    Em quadra
  • #40
    André Goes
  • #19
    Drudi
  • #33
    Felipe
  • #14
    Rogério
  • #17
    Edu Mariano
  • #6
    Matheus
  • #16
    Adriano
  • #13
    Schneider
  • #5
    Davi
  • #20
    Rômulo
  • #18
    Jimmy
  • #4
    Victor
0
MIN
0
0
PTS
0
0
A3C
0
0
A2C
0
0
LLC
0
0
RT
0
0
ASS
0
0
TO
0
0
EN
0
0
BR
0
0
FC
0
0
EF
0
0
PTT
0
    Em quadra
  • #23
    Nezinho
  • #12
    Giovannoni
  • #17
    Prestes
  • #4
    Arthur
  • #10
    Alex
  • #17
    Rossi
  • #5
    Tatu
  • #13
    Pureza
  • #31
    Cipriano
  • #54
    Alírio
  • #71
    Bala

T): Titular (EQ): Em quadra Min: Minutos em quadra Pts C/T %: Pontos certos/tentados 3P C/T %: Arremessos de três certos/tentados 2P C/T %: Arremessos de dois certos/tentados LL C/T %: Lances livres certos/tentados RO+RD RT: Rebotes ofensivos + Rebotes defensivos (Rebotes total) AS: Assistências BR: Bolas recuperadas TO: Tocos FC: Faltas cometidas FR: Faltas recebidas ER: Erros totais EN: Enterradas +/-: Diferença de pontuação enquanto o atleta estava em quadra EF: Eficiência = (Pontos + Rebotes + Tocos + Bolas recuperadas + Assistências) - (Arremessos de dois errados + Arremessos de três errados + Lances livres errados + Erros + Violações

GRÁFICO DE ARREMESSO
Exibir apenas:
    Titulares Reservas
#
do º Q
    Titulares Reservas
JOGADA A JOGADA
INFORMAÇÕES
PARTIDA
Data/Hora:
26/02/2013 20:00
Local:
Campeonato:
NBB CAIXA 2012/2013
ÁRBITROS
Árbitro 1:
Árbitro 2:
Árbitro 3:
TÉCNICOS
Basq. Cearense:
Brasília: