#JOGAJUNTO

LDB

Prova de resistência!

Pinheiros LDB PIN 96
x
104 Sport Recife LDB SPO
16
1ºQ
X
18
18
2ºQ
X
23
21
3ºQ
X
29
31
4ºQ
X
16
10
5ºQ
X
18

Gin. Prof. Hugo Ramos

15 de fevereiro de 2015

Sport vê Pinheiros tirar vantagem de 20 pontos no último quarto, mas mantém cabeça no lugar e conquista emocionante vitória na prorrogação na LDB

DOCUMENTOS:
Súmula
96
X
104
96
PTS
104
14
A3C
12
19
A2C
23
16
LLC
22
50
RT
49
11
ASS
25

Pts: Pontos RT: Rebotes ASS: Assistências A3C: Arremessos de três certos A2C: Arremessos de dois certos LLC: Lances livres certos
(*) Colocação refere-se a rodada em que esta partida foi realizada

O Sport Club do Recife precisou mostrar não só resistência física como também mental para vencer o Pinheiros/SKY em uma partida mais do que emocionante realizada no início da tarde deste domingo, no Ginásio Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes (SP), e válida pela quarta edição da LDB.

Depois de abrir 20 pontos de frente no início do último período, o time pernambucano viu o clube paulista emplacar uma incrível reação para levar a decisão para a prorrogação. Mas, o clube rubro-negro mostrou muita cabeça no lugar para dominar o tempo extra e conquistar uma grande vitória, pelo placar de 104 a 96, em duelo válido pela quarta edição da LDB.

O grande personagem do Sport na partida foi o armador Victinho. “Endiabrado”, o jogador deixou a quadra com 33 pontos, sendo dez deles entre o último quarto e a prorrogação, além de ficart muito próximo de um triplo-duplo, com nove rebotes e nove assistências. Outros personagens importantes para o êxito do esquadrão nordestino foram os alas Chandler e Leandro, com 18 e 17 pontos, respectivamente, e o armador Gabriel, autor de 15 pontos.

Do lado pinheirense, o armador Georginho mostrou o porquê vem sendo observado por scouts da NBA. Com direito a 12 pontos durante a reação de sua equipe no período final e mais seis na prorrogação, o jogador, de apenas 18 anos, foi o cestinha do jogo, com 34 pontos. Com 23 pontos (12 na parcial final), o ala Lucas Dias também teve atuação destacada.

Com o expressivo triunfo, o Sport deu um importante passo rumo à classificação para a próxima fase do maior campeonato de base do basquete brasileiro. A equipe nordestina segue no terceiro lugar na tabela de classificação, agora com uma campanha de 14 vitórias em 18 jogos disputados. Do outro lado, mesmo com o revés, o clube da capital paulista segue isolado na vice-liderança. Esta foi apenas a segunda derrota pinheirense também em 18 partidas realizadas.

+ Clique aqui e confira a classificação completa da quarta edição da LDB

“Não podemos deixar isso (perder vantagem de 20 pontos) acontecer. Nos precipitamos em alguns ataques e o Pinheiros tirou a diferença jogando nos contra-ataques. Mas nosso time mostrou muita força para vencer na prorrogação. Mantivemos a cabeça no lugar e com muita calma conquistamos essa grande vitória”, disse Victinho, que teve sua melhor atuação na competição.

A Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB) é um campeonato de base organizado pela Liga Nacional de Basquete (LNB) em parceira com o Ministério do Esporte e chancelado pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB).

O jogo

Afiado nas bolas de três pontos, o Pinheiros largou na frente. Com dois tiros certeiros de longa distância de Georginho e outro de Humberto, o time paulista abriu sete pontos de frente logo de cara (9 a 2). Sem se abalar com o bom começo dos rivais, o Sport rapidamente acertou sua defesa e mudou o cenário da partida. Com muita energia, o clube nordestino deixou os pinheirenses sem pontuar por mais de três minutos e teve liberdade para contra-atacar.

Os comandados de José Luiz Marcondes até mantiveram a liderança, com mais uma bola certeira de três pontos de Georginho (16 a 12), mas o esquadrão rubro-negro “deu o troco” e com bolas de longa distância convertidas por Gabriel e Leandro, ambos vindo do banco de reservas, assumiu a ponta do placar nos instantes finais do primeiro quarto (19 a 16).

Com sua proposta de jogo bem clara, o Sport dominou completamente as ações no início do segundo período. Ainda com uma defesa muito intensa e saídas rápidas para os contra-ataques, a equipe dirigida pelo técnico Ricardo Oliveira seguiu impondo seu ritmo de jogo e, com destaque para Victinho e Chandler, ampliou sua vantagem para nove pontos (31 a 22). Até então zerado no jogo, Lucas Dias anotou sete pontos seguidos em jogadas internas e deu um novo ânimo ao Pinheiros. Só que do outro lado, Victinho seguiu atuando muito bem – foram oito pontos e duas assistências do jogador na parcial – e os pernambucanos fecharam a primeira metade do duelo com sete pontos de frente: 41 a 34.

No início do terceiro quarto, o Pinheiros até chegou a baixar o prejuízo para três pontos (43 a 40), após seguidas bolas de três pontos de Wesley e Lucas, mas logo em seguida o Sport deslanchou. Sem deixar os rivais pontuarem por mais de quatro minutos e com seguidos pontos em contra-ataques, a equipe rubro-negra emplacou uma incrível sequência de 17 a 0 e colocou a diferença no placar na casa dos 20 pontos (60 a 40).

Depois de ver o time adversário abrir a maior vantagem do jogo, o Pinheiros voltou a pontuar e, liderado por Georginho e Duval, conseguiu interromper a arrancada dos rivais. Porém no embalo de boas jogadas de Vitinho e Gabriel, o time nordestino conseguiu levar uma confortável vantagem de 15 pontos para a parcial final (70 a 55).

Logo no início do período decisivo, o Sport anotou cinco pontos seguidos e recolocou a diferença no marcador em 20 pontos (75 a 55). Só que o Pinheiros não se entregou. Ainda com Duval e Georginho como seus principais protagonistas, a equipe paulista se aproveitou de seguidos erros dos rivais emplacou uma rápida sequência de 10 a 0 para cortar a desvantagem (75 a 65). Depois, Humberto, em linga jogada individual, e Lucas, com dois tiro de três pontos seguidos, deram sequência ao ótimo momento do Pinheiros, que de maneira impressionante reduziu a diferença no placar para apenas dois pontos (75 a 73).

O jogo pegou fogo nos instantes finais. Com pouco mais de dois minutos para o fim, o Sport abriu dois pontos de frente (81 a 79) depois de bandeja de Chandler. No lance seguinte, Georginho converteu sua quinta bola de três na partida e colocou o Pinheiros em vantagem (82 a 81), algo que não acontecia desde o primeiro quarto. Depois de mais uma bela cesta de Georginho e dois lances livres convertidos por Lucas, os paulistas abriram três pontos (86 a 83), com 12 segundos para o fim, mas o jogo ainda não estava decidido. Completamente desequilibrado, Victinho acertou uma linha bola da linha de três pontos e deixou tudo igual (86 a 86). O Pinheiros até teve a posse de bola para tentar ganhar o jogo, mas falhou e a decisão para a prorrogação.

Os dois times demonstraram muito nervosismo no início do tempo extra.O placar seguiu em igualdade (90 a 90), até que Chandler marcou quatro pontos seguidos e colocou o Sport na frente (94 a 90), com pouco mais de dois minutos para o fim. Com apenas um pontos em três ataques, o Pinheiros viu Leandro acertar sua terceira bola de longa distância no jogo e aumentar a vantagem rubro-negra para seis pontos (97 a 91). Depois foi questão de tempo para os pernambucanos soltarem o grito de comemoração pela importante e emocionante vitória no duelo de duas equipes que se encontram na parte de cima da tabela de classificação da LDB.

Nr. Jogador JO Min Pts RD+RO RT AS 3P% 2P% LL% BR TO FC FR ER EN +/- EF
#14 Georginho 1 43.6 34/64 (53) 6+3 9 4 6/13 (46) 5/8 (63) 6/9 (67) 2 1 2.00 8.00 3 0 -2 34
#9 Lucas Dias 1 39.0 23/54 (43) 2+4 6 5 3/8 (38) 4/11 (36) 6/8 (75) 3 0 5.00 5.00 5 0 -2 18
#6 Duval 1 34.4 14/20 (70) 4+3 7 0 2/3 (67) 4/5 (80) 0/1 (0) 3 0 2.00 6.00 4 0 -6 17
#19 Humberto 1 37.1 11/36 (31) 4+1 5 1 1/8 (13) 3/5 (60) 2/2 (100) 0 0 3.00 1.00 4 0 -2 4
#20 Léo Bispo 1 19.8 4/19 (21) 4+3 7 0 0/1 (0) 1/7 (14) 2/2 (100) 1 0 4.00 1.00 1 0 -5 4
#50 Rech 1 13.7 4/4 (100) 1+0 1 0 0/0 (0) 2/2 (100) 0/0 (0) 1 1 2.00 1.00 0 0 -13 7
#21 Wesley 1 23.5 3/21 (14) 6+1 7 1 1/5 (20) 0/3 (0) 0/0 (0) 1 0 5.00 0.00 1 0 17 4
#0 Guga 1 6.4 3/8 (38) 1+0 1 0 1/2 (50) 0/1 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 -12 2
#5 Armani 1 0.0 0/0 (0) 0+0 0 0 0/0 (0) 0/0 (0) 0/0 (0) 0 0 0.00 0.00 0 0 0 0
#
Fatal error: Uncaught Error: Call to a member function getNumber() on boolean in /var/www/html/lnb/wp-content/themes/lnb-2016/single-noticias.php:858 Stack trace: #0 /var/www/html/lnb/wp-includes/template-loader.php(106): include() #1 /var/www/html/lnb/wp-blog-header.php(19): require_once('/var/www/html/l...') #2 /var/www/html/lnb/index.php(17): require('/var/www/html/l...') #3 {main} thrown in /var/www/html/lnb/wp-content/themes/lnb-2016/single-noticias.php on line 858
Erro › WordPress

Há um erro crítico no seu site.

Aprenda mais sobre depuração no WordPress.