#JOGAJUNTO

LNB / NBB CAIXA

O Boom doBasquete

25-06-2019 | 11:07
Por Liga Nacional de Basquete

Pesquisa do IBOPE mostra que modalidade da bola laranja teve aumento expressivo em exposição na TV e número de fãs no país

Ginásios lotados e transmissões a mil: basquete está em alta no Brasil e alcançou ótimos números na última temporada (Fotojump/LNB)

O basquete está na boca do povo brasileiro. Em crescimento notório no país nos últimos anos, a modalidade atingiu níveis ainda mais altos no primeiro semestre de 2019. Em pesquisa divulgada pelo IBOPE Repucom, o esporte da bola laranja foi responsável por 365 horas de transmissão entre janeiro e maio – em TV aberta e fechada – e é o terceiro com mais espaço na televisão no Ranking dos Esportes.

Com grande parcela de contribuição neste crescimento, o NBB CAIXA esteve praticamente inteiro na televisão durante a última temporada. Ao todo foram 92 jogos transmitidos ao vivo nos quatro canais – Band, BandSports, ESPN e Fox Sports. Novidade no calendário, a Copa Super 8 teve suas sete partidas eliminatórias televisionadas. O Jogo das Estrelas também esteve na TV, com transmissões simultâneas de Band, ESPN e Fox Sports.

Ainda no inédito modelo multiplaforma adotado, o NBB CAIXA teve 54 partidas exclusivas transmitidas no Facebook e outras 13 no Twitter. Com seis plataformas diferentes exibindo seus jogos, o maior campeonato de basquete do país teve 159 dos 218 jogos transmitidos ao vivo (72,9%) – um aumento de 29% em relação ao último ano.

Se levarmos em consideração apenas a fase de classificação, o crescimento no número de transmissões foi ainda maior. Na temporada 2017/2018 foram transmitidos 71 dos 210 jogos da fase de classificação (33,1%). Já na edição 2018/2019 foram 125 transmissões das 182 partidas realizadas na primeira fase (68,6%). Tudo isso com produção das partidas feita pela própria LNB e com uma identidade visual única para todas as transmissões.

“A curva ascendente do interesse pelo basquete confirma os resultados positivos dos esforços conjuntos do NBB e da NBA no Brasil. Várias ações contribuíram para o fortalecimento da popularidade do basquete, entre elas o crescimento do NBB, a transformação do Jogo das Estrelas, a NBA House, a multiplataforma de transmissão do NBB, o retorno da NBA pra TV Aberta”, disse Álvaro Cotta, diretor de marketing de LNB.

“Todas essas realizações conferiram para a recuperação da credibilidade e da atratividade do público pela modalidade. Percebemos que o movimento se fortalece a cada temporada, sinalizando um cenário otimista para os próximos anos”, completou Cotta.

As Finais do NBB CAIXA tiveram transmissões simultâneas de quatro plataformas, com TV aberta, fechada e internet (Fotojump/LNB)

Em matéria recente publicada no jornal Estado de São Paulo, também com dados obtidos do IBOPE Repucom, o NBB CAIXA ganhou destaque por seu incrível aumento nas partidas transmitidas ao vivo. Entre os dados obtidos se destaca a evolução do Average Time Spent, o tempo médio gasto pelo público assistindo à determinada transmissão, que cresceu 25% nesta temporada.

“O basquete vive um momento especial em nosso país, não apenas pelo expressivo volume de horas dedicadas à modalidade nas transmissões ao vivo nos últimos anos em TV aberta ou fechada, mas também pelo aumento dos brasileiros que se declaram fãs da modalidade, que desde 2018 se mantém nos mais altos patamares já registrados fora de anos olímpicos”, disse disse José Colagrossi, Diretor do Ibope Repucom.

“A grande oferta de programação e o expressivo volume de fãs do esporte formam um cenário extremamente favorável não só para a expansão da modalidade no mercado nacional, mas para patrocinadores e parceiros criarem relações poderosas e duradouras com os fãs do esporte”, completou Colagrossi.

No Facebook, as transmissões também cresceram expressivamente. O número de visualizações foi quase três vezes maior do que o da temporada, com um total 3.143.227, sendo 1.368.877 usuários únicos.

+ Recordes no Jogo 5 das Finais fecham temporada do #NBBnoFacebook com chave de ouro

“É muita satisfação ver que a estratégia adotada para essa temporada surgiu um efeito até maior do que a gente imaginava. Tivemos grandes resultados com o modelo multiplataforma, principalmente nas transmissões pela internet”, disse Arnaldo Pereira, Vice-Presidente Comunicação da LNB.

“Está acontecendo uma mudança na maneira com que as pessoas escolhem o que assistir e o meio digital está crescendo numa velocidade impressionante. Queremos acompanhar todas essas transformações e essa temporada foi só o começo. O basquete cresce cada vez mais e cada dia que passa tenho mais certeza de que seremos o segundo esporte mais importante do país”, completou Arnaldo, dirigente do Pinheiros.

NBB CAIXA teve um incrível aumento no número de transmissões e também na audiência dos jogos (Fotojump/LNB)

O crescimento do basquete no Brasil também está aliado à popularização da NBA. O Jogo 6 das Finais da liga norte-americana, transmitido por Band e ESPN, foi comentado por mais de 32 mil pessoas e gerou 11,8 milhões de impressões no Twitter, segundo o Kantar Social TV Ratings, ferramenta da Kantar IBOPE Media que afere o engajamento em Social TV. A principal reação nos posts relacionados à transmissão da partida foi a Admiração.

Outro levantamento do IBOPE Repucom, o Sponsorlink, indica que desde 2018, os fãs do esporte (que se dizem interessados e muito interessados) se mantém em 42%, o equivalente a 40 milhões de internautas brasileiros com 18 anos ou mais em todo o país. Este resultado é o mais alto da série histórica (desde 2013), superado apenas pela onda de setembro de 2016, ocorrida logo depois da realização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com os patrocínios oficiais da CAIXA, Budweiser, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e os apoios de UNISAL, Açúcar Guarani e Pátria Amada Brasil. Governo Federal.