#JOGAJUNTO

Mais basquete / NBB

Um sucessoabsoluto

21-02-2020 | 05:59
Por Liga Nacional de Basquete

Realizado por Nike e LNB, 2ª edição do Camp foi finalizada com jogos de alto nível entre os participantes e nítida evolução

A 2ª edição do Nike Elite NBB Camp foi um sucesso absoluto. Nesta sexta-feira (21/02), o camp organizado pela Nike e a Liga Nacional de Basquete teve seu encerramento com jogos de altíssimo nível entre os 25 principais prospectos da categoria Sub-17 do basquete brasileiro, que passaram por uma semana treinamentos e palestras. O evento aconteceu na sede do Sport Club Corinthians Paulista, em São Paulo (SP).

Ao todo foram cinco dias de aprendizado e experiências para os garotos, isso sob o comando do técnico argentino Ricardo Bojanich. O treinador foi o responsável por coordenar os trabalhos específicos de cada atleta, por posição, além dos exercícios gerais realizados durante a duração do evento.

Com 25 prospectos sub-17, 2ª edição do Nike Elite NBB Camp foi um sucesso absoluto (Felipe Gomes/LNB)

Agora, Bojanich fará um relatório específico de cada atleta que participou do Camp, com pontos positivos e outros a melhorar. Porém, o treinador já adiantou que a evolução dos jogadores em comparação ao primeiro dia do Camp foi algo significativo, exaltando o crescimento dos meninos. 

“Queria destacar a evolução, eles evoluíram muito. Sobretudo na parte cognitiva, melhoraram a compressão. No primeiro dia foi muito difícil de trocar rápido na defesa, a compreensão, mas nas ações determinadas no jogo, vimos que os jogadores conseguiram reagir rápido e fazer positivamente com as nossas regras no último dia”, disse o treinador.  

Ricardo Bojanich foi o técnico principal do Camp organizado pela Nike e LNB (Wilian Oliveira/LNB)

+ Bojanich exalta Camp organizado em conjunto pela Nike e LNB

Com a finalização da semana, e a  evolução de todos os meninos, o Camp foi um sucesso e  o objetivo da parceria entre Nike e LNB foi concretizado. Para Diego Garcia, Gerente de Marketing Esportivo da Nike, o foco da empresa é exatamente esse: auxiliar no desenvolvimento do esporte.

“A Nike tem uma responsabilidade muito grande com o esporte. Obviamente somos uma marca e temos o nosso lado comercial, mas o nosso grande foco é realmente fomentar o esporte. Quando temos uma plataforma como a LNB que proporciona essa experiência para os garotos, aliando o conhecimento e conteúdo do basquete internacional e o aplicando no Brasil, posso dizer que o nosso objetivo é alcançado”, disse Diego Garcia.

Diego Garcia, Gerente de Marketing Esportivo da Nike (Felipe Gomes/LNB)

Ao contrário da primeira edição do Camp, que em 2017 e teve apenas dois dias de duração, o tempo de trabalho com os garotos foi maior e se estendeu de segunda (17/02) até sexta-feira (21/02), com o encerramento oficial do Camp.

Durante esse período os jogadores executaram diversos treinos específicos e aperfeiçoaram suas habilidades de acordo com posições e características dentro de quadra. Fora dela, os atletas passaram por uma série de testes físicos, como saltos e exercícios de reflexos comandados por Esteban Astroven, preparador físico do Paulistano.

Um desses exemplos é o armador Vinicius Vicenti, de 17 anos, que atua no Paulistano. O jogador, que é um dos destaques da geração 2003, exaltou os trabalhos realizados durante os cinco dias de evento e agradeceu à Nike e à LNB.

“Tiro como maior lição os detalhes. O basquete é um jogo de detalhes e o nosso coach argentino conseguiu mostrar muitos deles para melhorarmos o nosso jogo. Muito obrigado por essa oportunidade. Penso que tanto eu quanto os outros 24 atletas ficaram maravilhados com a estrutura que tivemos e com os treinos intensos, que nos ensinaram muito a cada dia. Só temos a agradecer, muito obrigado”, afirmou.

Vinicius Vicenti é uma das promessas da base do Paulistano (Willian Oliveir/LNB)

Já para o armador Tico Faria, um dos destaques do Sub-17 do Pinheiros a experiência de trabalhar com Bojanich durante o Camp foi importante, especialmente pelos detalhes, assim como citou seu companheiro de posição. 

“A maior experiência foram os detalhes que o Bojanich trabalhou com a gente. Ele pegou algumas coisas e foi muito específico nelas e, com certeza, isso fará a diferença para voltarmos melhores para o nosso time. Estar com esses caras que jogam muito bem e são ótimas pessoas também foi muito bom”, frisou. 

Para o armador Tico Faria, Bojanich o ajudou no trabalho dos pequenos detalhes (Willian Oliveira/LNB)

Outro ponto importante do Camp foram os ensinamentos fora das quatro linhas oferecidos para os jovens atletas durante o Camp. Com três palestras durante os cinco dias do evento, os garotos aprenderam com profissionais gabaritados da área esporte, comunicação e, de quebra, com alguns dos principais nomes do NBB CAIXA, como Shamell (São Paulo), Gabriel Jaú (Sendi/Bauru) e Ricardo Fischer (Corinthians). 

“As palestras foram importantes porque estamos em um período de formação para nos tornarmos jogadores. Sabemos que ser um atleta não é só estar dentro de quadra, jogando, mas também com coisas extras como saber dar entrevista, tratar o fã. Estou no começo da minha carreira e isso foi muito importante para mim. Agora tenho que absorver isso, continuar firme para seguir o meu sonho de me tornar profissional. Tenho certeza que tudo isso irá me ajudar muito na minha carreira, disse o ala Matheus Gomes, de 17 anos, do Paulistano.

+ Aprendizado dentro e fora da quadra: Nike Elite NBB Camp contou com palestras 

O ala norte-americano Shamell,  maior cestinha da história do NBB CAIXA e um dos palestrantes do Camp, passou um pouco de sua experiência após anos atuando no basquete brasileiro.

Shamell palestrou nesta quinta-feira (20/02) para os participantes do 2º Nike Elite NBB Camp (Felipe Gomes/ LNB)

Para ele, uma das coisas mais importantes que as jovens estrelas devem lembrar é de ter amor pelo basquete. 

“A principal coisa é ter amor e paixão pelo basquete. As palavras-chave para mim são treino e trabalho. Com a minha idade de hoje continuo fazendo o mesmo que fazia há 17 anos atrás e com isso ainda posso jogar em alto nível. Foi essa mensagem que tentei falar com eles. E no 1×1 nenhum deles ganha de mim (risos)”, afirmou o norte-americano

Lista dos participantes:

Armadores
Tiago Alcântara Abbade Aguiar Faria (EC Pinheiros)
João Victor Capela dos Santos (EC Pinheiros)
Paulo Zu (Sesi Franca)
Miguel Victor Soares Nogueira da Silva (Tijuca Tênis Clube)
Caio de Moraes Brandão (Grande Florianópolis)

Alas-armadores
Vinicius Biagioni Vicenti (Paulistano/Corpore)
João Victor Scopel de Oliveira (Palmeiras)
Varley Augusto Maronezi (Paulistano/Corpore)
Matheus Gomes (Paulistano/Corpore)
João Victor Martins Pereira (Chapecó)

Alas
Kauan Temponi (Sesi Franca)
Gabriel Borges (Corinthians)
Yuri Neptune (Campinas)
Reynan Gabriel Camilo dos Santos (Sesi Franca)
Natan Mariano (Franca)

Alas-pivôs
Emanuel Fernandes de Lima (EC Pinheiros)}
José Santana Junior (EC Pinheiros)
Eduardo Sanches (Rio Claro)
Daniel Moreira Oliveira Santos Lima (EC Pinheiros)
Gustavo Henrique Almeida Santana (Palmeiras)

Pivôs
Walisson Adriano Chaves da Silva (Paulistano/Corpore)
Felipe Faustino Nascimento (Sesi Franca)
Daniel Duque dos Santos Frederico (Minas Tênis Clube)
Luiggi Pinelli Fachin (EC Pinheiros)
João Henrique dos Reis de Jesus (AGFEB Basket São José)