#JOGAJUNTO

NBB

O Armadordo Ano

19-05-2021 | 10:43
Por Liga Nacional de Basquete

Georginho, atual vencedor, defende o posto alcançado na última temporada; Yago e Fúlvio também concorrem à premiação nesta edição

No basquete, o armador pode ser comparado ao regente de uma orquestra, responsável por reger o time na quadra com assistências e pontos. Nesta temporada, alguns jogadores se destacaram nessa função, ditando o ritmo de suas equipes dentro de quadra ao longo da temporada.

Dentre eles, três nomes concorrem ao prêmio de Armador do Ano; são eles: Fúlvio (Mogi das Cruzes Basquete), Georginho (São Paulo) e Yago (Flamengo). O vencedor será anunciado na Festa dos Melhores do Ano do NBB 2020/2021, que acontecerá de forma online na segunda semana de junho.

Fúlvio, Georginho e Yago concorrem ao prêmio de Armador do Ano do NBB 2020/2021 (Arte/LNB)

Entregue desde a primeira edição do NBB na Festa dos Melhores do Ano, o troféu de Armador do Ano tem como maior vencedor o armador Fúlvio, com quatro conquistas dentro de 12 possíveis. A última temporada marcou o triunfo de Georginho que, agora, fica na expectativa de conquistar o prêmio pela segunda vez; Yago, do Flamengo, nunca conquistou a honraria.

O prêmio de Armador do Ano faz parte do calendário anual da eleição dos Melhores do Ano do NBB, que contará com prêmios divididos nas seguintes categorias: Quinteto Ideal do NBB (Armador, Alas e Pivôs), Troféu Ary Vidal – Técnico do Ano, Jogador com Maior Evolução, Destaque Jovem, Defensor do Ano (apresentado por Plastubos), Sexto Homem do Ano, Estrangeiro do Ano e o King of the Season (apresentado por Budweiser).

A votação para essa e todas as outras categorias contou com a participação de técnicos, assistentes e capitães das 16 equipes que disputaram a atual edição do NBB, além de imprensa especializada, personalidades do basquete brasileiro, comissários e árbitros. Os vencedores serão conhecidos na Festa dos Melhores do Ano, que acontecerá na segunda semana de junho de forma online – data e horário ainda serão definidos.

Os indicados:

Fúlvio (Mogi das Cruzes)

Aos 39 anos, Fúlvio lidera o NBB em assistências (Wilian Oliveira/Foto Atleta)

Aos 39 anos, Fúlvio continua atuando em alto nível no NBB. Decisivo, experiente e líder dentro e fora de quadra, o armador do Mogi anotou médias de 12,4 pontos, 4,3 rebotes, 8,9 assistências e 18,0 de eficiência, contribuindo ativamente nas estatísticas de uma equipe que, nesta edição do campeonato, passou por uma reconstrução.

No ranking geral de assistências, Fúlvio figura como o líder do campeonato no quesito, seguido por Elinho, do Franca, e Georginho, do São Paulo, adversário direto na disputa ao posto de Armador do Ano desta edição do NBB.

Georginho (São Paulo)

Georginho, do São Paulo, defende o prêmio conquistado na última temporada (João Pires/LNB)

A temporada de Georginho, assim como a última, é mágica. Com médias de 15,9 pontos, 8,1 rebotes, 6,3 assistências e 24,6 de eficiência, o armador do tricolor novamente mostrou do que é capaz e ditou o ritmo do São Paulo, finalista do NBB 2020/2021. No quesito assistência, observando o ranking geral, o jogador aparece na 3ª posição, atrás apenas de Elinho, do Sesi Franca, e Fúlvio, do Mogi, que também concorre nesta categoria.

Yago (Flamengo)

Yago obteve ótimas médias com a camisa do Flamengo neste NBB (Marcelo Cortes/Flamengo)

O mais jovem dos três indicados, Yago é um daqueles jogadores mágicos de se ver em quadra. Logo em sua primeira temporada no Flamengo, o jovem armador teve que assumir ainda na metade do campeonato a titularidade deixada por ninguém mais, ninguém menos que Franco Balbi, lesionado.

Yago aceitou o ‘desafio’ e, até o momento, o tem o superado com sobras. Suas médias, de 11,1 pontos, 3,1 rebotes, 5,8 assistências (5º no ranking geral) e 14,4 de eficiência, mais que comprovam este ponto.

Também foram votados para Armador do Ano no NBB 2020/2021:

Além dos três indicados, também foram votados mais oito nomes, sendo eles (em ordem alfabética): Alexey (Zopone/Gocil Bauru), André Góes (Sesi Franca Basquete, Elinho (Sesi Franca Basquete), Felipe Ruivo (Paulistano/Corpore), Franco Balbi (Flamengo), Kyle Fuller (Corinthians), Luciano Parodi (Minas Tênis Clube) e Ricardo Fischer (Corinthians).

Os vencedores do prêmio de Armador do Ano do NBB:

2019/2020 – Georginho (São Paulo)

2018/2019 – Franco Balbi (Flamengo)

2017/2018 – Elinho (Paulistano)

2016/2017 – Fúlvio (Brasília)

2015/2016 – Davi Rossetto (Basquete Cearense)

2014/2015 – Ricardo Fischer (Bauru)

2013/2014 – Nicolás Laprovittola (Flamengo)

2012/2013 – Fúlvio (São José Basketball)

2011/2012 – Fúlvio (São José Basketball)

2010/2011 – Larry Taylor (Bauru)

2009/2010 – Fúlvio (São José Basquete)

2008/2009 – Larry Taylor (Bauru)

Veja também os indicados em outras categorias: 

+ Estrangeiro do Ano 

+ Sexto Homem do Ano

+ Maior Evolução

+ Defensor do Ano

+ Destaque Jovem

+ Técnico do Ano

O NBB é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), com chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB) e em parceria com a NBA e o CBC, e conta com os patrocínios oficiais da Budweiser, Nike, Penalty, Plastubos, EY, BetMotion, KitchenAid, Moss, IMG Arena e Genius Sports.